Esportes, Paulistão

Jailson será julgado na terça e pode ficar fora da final

Jailson será julgado na 3ª e pode ficar fora da final
Jailson foi o herói alviverde na semifinal ao pegar cobrança de pênalti contra o Santos. Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras

O recurso apresentado pelo Palmeiras para garantir a escalação do goleiro Jailson no Campeonato Paulista será julgado na terça-feira (3) pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP).

O goleiro foi suspenso por três partidas em razão do pênalti que cometeu na derrota por 2 a 0 para o Corinthians, em Itaquera, ainda na primeira fase, e das declarações dadas na zona mista da arena.

Irritado com o cartão vermelho que havia recebido durante o clássico, o camisa 42 disse que o Palmeiras tinha sido prejudicado de propósito pelo árbitro.

Antes agendada para as 17h30 de segunda-feira, a sessão foi transferida para o dia seguinte, às 17h. Em comunicado, o presidente do TJD-SP, Antonio Olim, alegou “motivo de força maior” para a mudança.

Jailson já cumpriu dois jogos previstos na punição e só pôde ser escalado nas semifinais contra o Santos, após o clube obter efeito suspensivo da punição. Caso a pena não seja diminuída, o goleiro poderá ser impedido de atuar na partida de volta da final do Campeonato Paulista.

Neste caso, o Palmeiras teria de recorrer ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para conseguir novo efeito suspensivo.

O camisa 42 pode jogar até a realização do julgamento e deve participar do primeiro jogo da decisão, contra o Corinthians, confirmado para o sábado.
Jailson foi o herói alvi­verde na semifinal: teve grande atuação no primeiro jogo e garantiu a vitória por 1 a 0. Na volta, o time perdeu por 2 a 1, mas o goleiro pegou um pênalti nas cobranças que definiram o finalista.

O curioso é que o goleiro revive momento semelhante ao que passou em 2016.

Na ocasião, Jailson era considerado o terceiro goleiro, mas após lesão de Fernando Prass, e falhas de Vagner, acabou sendo chamado para assumir a meta. Na atual temporada, o Palmeiras manteve Prass, que terminou 2017 como titular, e trouxe Weverton, do Atlético-PR.

 

Lateral Marcos Rocha treina e está pronto para voltar ao time do Palmeiras

O técnico do Palmeiras, Roger Machado, tem excelente notícia para o primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, no sábado (31). Isso porque o treinador deve contar com o retorno do lateral direito Marcos Rocha contra o Corinthians, em Itaquera

Marcos Rocha foi desfalque no segundo jogo das semifinais, na última terça-feira, contra o Santos, por causa de dores na coxa esquerda. Tchê Tchê foi quem atuou em seu lugar.

O lateral direito mostrou evolução no tratamento da lesão e foi a campo, na Academia de Futebol. Marcos Rocha fez trabalho com bola sozinho, orientado pelo preparador físico Thiago Maldonado.

Borja

Além do lateral, Roger Machado vai contar com o retorno do atacante colombiano Miguel Borja, ausente das últimas três partidas do time (Novorizontino e Santos, duas vezes), devido à convocação de sua seleção.

Resta saber se o comandante alviverde escalará o camisa 9 e artilheiro da equipe no ano, com sete gols, ou se vai continuar com Keno entre os titulares. O camisa 11 chegou a ser elogiado por Roger Machado por suas atuações nessas partidas.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*