Esportes, Paulistão

Jailson pega três jogos de suspensão e só volta ao Palmeiras no 2º jogo da semifinal

Jailson pega três jogos de suspensão e só volta ao Palmeiras no 2º jogo da semifinal
Jailson foi expulso no dérbi e criticou a arbitragem. Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Folhapress

O goleiro Jailson, do Palmeiras, pegou três jogos de suspensão ontem (19), em julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), e está fora das duas próximas partidas do time no Campeonato Paulista. Outros dois jogadores alviverdes também foram julgados.

O goleiro não poderá enfrentar o Novorizontino amanhã (21), pela rodada de volta das quartas de final. Se a equipe avançar, também fica fora do jogo de ida da semifinal.

A punição a Jailson aconteceu por causa de fatos ocorridos na derrota por 2 a 0 para o Corinthians, em 24 de fevereiro. O goleiro recebeu dois jogos de gancho pelo pênalti cometido sobre Renê Júnior e mais um por ter dito, após a partida, que “passaram a mão” no Palmeiras, referindo-se à arbitragem de Raphael Claus.

Como já cumpriu um jogo de suspensão de forma automática na rodada seguinte ao dérbi (derrota por 1 a 0 para o São Caetano), Jailson só precisa ficar de fora de mais duas partidas. O titular pode voltar ao time no segundo jogo da semifinal, caso o Palmeiras avance. No jogo de ida das quartas, venceu o Novorizontino por 3 a 0 fora de casa.

Dudu e Felipe Melo

O atacante Dudu recebeu apenas uma advertência por ter afirmado depois do clássico que, “na dúvida”, a arbitragem favorece o Corinthians em Itaquera. Desta forma, o capitão palmeirense não será problema para a sequência do Paulista.

O volante Felipe Melo, por sua vez, foi absolvido. O jogador foi julgado por uma imagem que mostrava o volante fazendo um gesto obsceno no campo, o que não constava na súmula do jogo. Segundo o camisa 30, o gesto foi dirigido ao colega de time Dudu, e não uma ofensa à arbitragem.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*