Esportes, Futebol, Paulistão

Jadson assina por dois anos e confirma retorno

Jadson realizou testes físicos na academia do CT após a assinatura do contrato.Foto: Agência Corinthians

O retorno de Jadson ao Corinthians foi oficializado ontem (6). O meio-campista assinou contrato no CT Joaquim Grava e já falou como jogador do clube. Acertado no início da semana passada, o novo vínculo entre clube e meia de 33 anos será válido por duas temporadas, com possibilidade de renovação para 2019.

O segundo “casamento” entre Jadson e Corinthians sempre foi um desejo das duas partes desde a saída dele para a China, no fim da temporada de 2015. As negociações para o retorno tiveram início efetivamente em dezembro e esquentaram a partir de 16 de dezembro após rescisão de contrato com o Tianjin Quanjian.

“Estou muito feliz. Estou retornando ao clube que meu a oportunidade de jogar em alto nível aqui no Brasil, o Corinthians. É agradecer a todos que se esforçaram pela contratação também, a diretoria. Pode ter certeza de que vou me dedicar ao máximo para ter um ano maravilhoso junto com meus companheiros”, disse Jadson.

Inicialmente, a pedida de Jadson assustou o Corinthians: três anos de contrato, luvas de R$ 10 milhões e salários de R$ 600 mil. As negociações, porém, levaram a um caminho muito diferente: além do vínculo de dois anos, os salários ficarão na faixa de R$ 450 mil e as luvas são de R$ 4 milhões, aproximadamente.

Para que o negócio fosse feito nos moldes desejados pelo Corinthians, pesou a vontade de Jadson em regressar ao clube e as investidas tímidas das outras equipes brasileiras interessadas, como São Paulo, Atlético-MG e Grêmio. Assim, na última segunda-feira, as partes se aproximaram de um acordo que foi definitivamente fechado na sexta, com o consenso das últimas cláusulas pendentes do contrato.

Prestes a ser integrado aos treinamentos, Jadson deve ficar à disposição para ser escalado a partir de março. De acordo com o consultor médico Joaquim Grava, que cuidou de seus exames médicos, o meia precisa perder quatro quilos para atingir o peso ideal.

O treinador Fábio Carille espera que Jadson atue, inicialmente, aberto pelo lado direito, como em 2015. Um plano B seria mudar o esquema para o 4-2-3-1 e encaixar o reforço pela faixa central.

Na passagem anterior, entre 2014 e 2015, Jadson disputou 103 jogos e marcou 24 gols. Foi campeão do Brasileiro 2015 e dividiu os prêmios de melhor jogador do torneio com Renato Augusto.

 

Ponte relaciona Pottker para Copa do Brasil e frustra clube

O atacante William Pottker foi relacionado pela Ponte Preta para a partida contra o Campinense válida pela Copa do Brasil. Com isso, o time de Campinas frustra os planos do Corinthians contar com o jogador no torneio mata-mata.

A inclusão do jogador na lista de relacionados pode impedir que Pottker defenda o Corinthians nas fases mais agudas do torneio, pois o regulamento só permite que um atleta atue por um clube.

Se Pottker também for relacionado pela Ponte para a Copa Sul-Americana, o Corinthians só poderá contar com o atacante no Campeonato Brasileiro.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*