Últimas Notícias

Governo francês desmonta campos de refugiados em Paris

O presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou nesta semana a naturalização de um jovem migrante do Mali -apelidado de “Homem-Aranha”, que escalou um prédio no sábado (26) para salvar um menino de quatro anos dependurado, prestes a cair.

Na manhã desta quarta-feira (30), a tropa de choque de seu governo expulsou mais de 1.700 pessoas de um dos maiores campos de refugiados de Paris. O campo era conhecido como “Millénaire”, nome de um centro comercial nos arredores, e ficava no 19° arrondisement (divisão administrativa típica da capital francesa).

Os moradores -incluindo crianças desacompanhadas- foram colocados em ônibus e levados a centros de acolhimento, onde seus documentos serão checados. Suas tendas já foram destruídas.

Em sua maior parte vindos da Somália, do Sudão e da Eritreia, aqueles migrantes moravam no campo há meses em condições sanitárias precárias, sem ter acesso a água corrente ou banheiros. Outros campos devem ser desmontados durante os próximos dias.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*