Diadema, Política-ABC, Sua região

Governo confirma Rede Lucy Montoro de Diadema para o primeiro trimestre de 2020

Governo confirma Rede Lucy Montoro de Diadema para o primeiro trimestre de 2020
Márcio da Farmácia cobrou posição do Estados sobre abertura da unidade da Rede no município. Foto: Divulgação

O deputado estadual Márcio da Farmácia (Podemos) encaminhou, recentemente, requerimento de informação cobrando resposta de ofício enviado no início de abril sobre a implementação da unidade da Rede Lucy Montoro em Diadema.

A unidade vai começar os atendimentos no primeiro trimestre de 2020. A confirmação foi dada ao deputado estadual pelo coordenador de Gestão de Contratos de Serviços de Saúde (CGCSS), Danilo Cesar Fiore. “Houve a recomposição do comitê gestor da Rede de Reabilitação por parte do governo do Estado”, destacou o coordenador, ao complementar que o projeto para Diadema foi revisado.

A instalação da Rede Lucy Montoro na cidade é uma bandeira defendida pelo líder do Podemos na Assembleia Legislativa. O novo projeto para a unidade, validado pela Coordenadoria de Regiões de Saúde, está em fase de convocação da empresa gestora. O edital deve ser publicado nos próximos dias.

A nova data para abertura da unidade leva em considerando os prazos legais para a convocação pública e o tempo mínimo necessário para o futuro gestor organizar o serviço de contratação de pessoas, compras de materiais e de equipamentos.

A unidade da Rede Lucy Montoro será instalada no 2º andar do Quarteirão da Saúde, que já passou por adequações e por vistoria do Estado.  São 2 mil m² de área, divididos em recepção e sala de espera, quatro consultórios, posto de enfermagem, ambientes de atendimento individual e em grupo para terapia ocupacional e fisioterapia infantil e adulto, condicionamento físico, banheiros para portadores de necessidades especiais, além de dependências administrativas.

O equipamento terá a capacidade para 250 atendimentos diários para pessoas do município e da região do ABC.

A Rede Lucy Montoro, projeto do governo do Estado, tem como objetivo proporcionar tratamento de reabilitação para pacientes com deficiências físicas incapacitantes, motoras e sensório-motoras. A Rede realiza programas de reabilitação específicos, de acordo com as características de cada paciente.

Os tratamentos são realizados por equipes multidisciplinares, composta por profissionais especializados em reabilitação, entre médicos fisiatras, enfermeiras, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, educadores físicos e fonoaudiólogos.Atualmente, a Rede de Reabilitação Lucy Montoro conta com unidades em funcionamento em todo o Estado e realiza mais de 100 mil atendimentos por mês. Estão em funcionamento as unidades Campinas, Clínicas, Fernandópolis; Lapa, Marília, Mogi Mirim; Morumbi, Pariqueraçu, Presidente Prudente; Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto; São José dos Campos, Umarizal e Vila Mariana.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*