Política-ABC, Sua região

Genro da ex-vereadora Cida Ferreira é convidado a assumir cargo em Diadema

O prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), convidou para compor seu governo o genro da ex-vereadora Cida Ferreira (MDB). José Eduardo Rosário dos Santos deve assumir cargo na Secretaria de Transportes, na qual foi diretor nas gestões dos ex-prefeitos José de Filippi Júnior (PT) e Mário Reali (PT).

Genro da ex-vereadora Cida Ferreira é convidado a assumir cargo em Diadema
Cida Ferreira também teria sido convidada para integrar a administração como secretária de Segurança Alimentar. Foto: Arquivo

O possível retorno de Santos à administração municipal significaria, segundo fontes ouvidas pela reportagem, tentativa de aproximação do governo com antigos adversários. O MDB fazia parte da base de Michels no primeiro mandato e saiu quando Cida compôs chapa com o ex-vereador Wagner Feitoza, o Vaguinho (PRB), candidato a prefeito na última eleição.

Ainda de acordo com as fontes, Cida teria sido convidada para integrar a administração como secretária de Segurança Alimentar, no lugar do atual secretário, Atevaldo Leitão (PSDB).

Leitão é vice-presidente tucano em Diadema e tem sido pressionado pelo prefeito a deixar seu partido. O presidente do PSDB de Diadema, Mamede Rasoul Salem, pertence ao grupo político do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), com quem Lauro Michels está rompido desde que anunciou que Diadema deixaria o Consórcio Intermunicipal do ABC, em março do ano passado. Morando também é presidente do colegiado.

A aproximação do MDB com o governo Michels pode trazer também o PRB. Com três parlamentares na Câmara, o PRB seria uma espécie de substituto ao bloco formado por PPS e DEM, que juntos contam com cinco vereadores e ocupam duas secretarias (Transportes e Esportes e Lazer), mas que nunca tiveram uma relação harmoniosa com o governo e vêem a tensão aumentar com a chegada da eleição. O bloco DEM/PPS declarou apoio à pré-candidatura a deputado estadual do presidente da Câmara, Marcos Michels (PSB), mas o prefeito insiste em indicar o nome do vice-prefeito Márcio Paschoal Giudicio, o Márcio da Farmácia (PV), para a disputa.

Procurado, Atevaldo Leitão apenas confirmou que já informou ao prefeito que não pretende deixar o partido. Fontes no PRB negaram a possível aproximação. Cida Ferreira limitou-se a dizer que “não está mais na política” e que por estar envolvida em questões particulares não poderia falar com a reportagem. José Eduardo não confirmou o convite.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*