Minha Cidade, Santo André, Sua região

GCMs de Santo André passam por treinamento de pilotagem e capacitação para atuação em ocorrências

Agentes de segurança participaram de formação com instrutor da Rocam e também no Centro de Formação da Guarda Civil Municipal. Foto: Angelo Baima/PSA
Agentes de segurança participaram de formação com instrutor da Rocam e também no Centro de Formação da Guarda Civil Municipal. Foto: Angelo Baima/PSA

Equipes da Romo (Rondas com Motocicletas) e da Romu (Rondas Ostensivas Municipais), da Guarda Civil Municipal de Santo André, passaram por treinamento e capacitação nesta semana. Os agentes de segurança, que atuam nas motos, tiveram capacitação com um instrutor de pilotagem da Rocam (Rondas Ostensivas com Auxílio de Motos), da Polícia Militar. Já os agentes da Romu (Rondas Ostensivas Municipais) passaram por treinamento baseado no chamado Método Giraldi, que tem como mote a preservação da vida dentro do trabalho ostensivo.

O secretário de Segurança Cidadã, Edson Sardano, destaca que os guardas passam por treinamento constante e essa medida é essencial para garantir a integridade dos agentes de segurança. “Este processo de aprimoramento e capacitação na atuação dos nossos guardas se reflete no atendimento prestado à população, sempre com o olhar na melhoria da sensação de segurança destes profissionais e também para a população. Um atendimento eficiente, focado na precisão e segurança sempre vai gerar resultados positivos na redução dos índices de criminalidade”, destacou.

Os guardas civis municipais da Romo passaram pelo treinamento com um cabo da Polícia Militar, que há 20 anos atua na PM, e é instrutor de pilotagem desde 2005. O conteúdo do treino foi realizado na pista de testes, localizada na sede da GCM, na Vila Guiomar, e foi baseado no aperfeiçoamento de técnicas de frenagem segura, uma vez que as equipes de moto trafegam em alta velocidade no atendimento das mais variadas ocorrências.

Já em relação à Romu, os GCMs tiveram outra etapa do treinamento no Centro de Formação da GCM, localizado no Jardim Progresso. O treinamento foi baseado em três pilares, com a análise das características das armas, formas de resolução de conflitos e seu emprego tático em ocorrências. Os guardas participaram ainda de uma simulação dentro da pista policial com situações com reféns, sem reféns e oficinas de verbalização em que a atuação policial é exigida ao máximo, de acordo com cada tipo de ocorrência.

Este treinamento é baseado no Método Giraldi, onde o GCM é levado a agir com tática, técnica e psicologia. Este método é utilizado do armamento de forma segura, sempre focado na preservação da vida. O GCM Leonardo Lopes Salustiano, que faz parte da Guarda Civil Municipal há dez anos, cita a importância de realizar ações como esta. “Essas situações propostas no treinamento são extremamente semelhantes ao nosso dia a dia. Aguçam os reflexos e melhoram a forma como verbalizamos e agimos em situações de estresse”, finalizou o GCM.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*