Últimas Notícias

Fundo Social de Diadema estimula confecção de máscaras caseiras por microempreendedoras

O Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Diadema, em conjunto com empresas da cidade e moradores, estimula a confecção de máscaras de pano e cirúrgicas por microempreendedoras. O item é recomendado pelo Ministério da Saúde como barreira de propagação da covid-19 e dever ser utilizado pela população quando é preciso sair de casa, permitindo que as máscaras cirúrgicas atendam prioritariamente profissionais de saúde durante o período de trabalho.

A idéia inicial é fornecer para locais de acolhimentos, motoristas, agentes comunitários de saúde e população. A produção varia de acordo com a capacidade de profissionais e a disponibilidade de material. Com um rolo de tecido TNT é possível fazer 400 máscaras.

Desde 3 de abril, os dois postos de Drive Thru Solidário da cidade recebem doações de tecidos, máscaras, alimentos e itens de limpeza e higiene. “Demos início à produção a partir dessas doações e de empresas como Prensas Schuler e HJ Têxtil. Realizamos também parceria com algumas instituições, como o Instituto de Ação Social Enéas Tognini e serviços municipais que possam abrigar oficinas para a confecção de máscaras e aventais”, explicou a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Caroline Rocha.

A Prensas Schuler cedeu espaço para montagem de uma Oficina Solidária de Costura, bem como se responsabilizou pelo método de produção e aquisição de insumos para máscaras cirúrgicas. As quatro máquinas utilizadas foram cedidas pelo Fundo Social e as costureiras são ex-alunas do FSS. A produção atenderá a demanda interna da empresa, já que  adotou o uso obrigatório dentro da fábrica, e o excedente será doado para serviços de saúde da rede municipal.

Para o presidente da instituição, Paulo Guzzo Tonicelli, a empresa exerce seu papel com geração de empregos e valor, além do apoio à educação, saúde e projetos sociais. “Neste momento tão difícil de pandemia, queremos continuar a fazer nossa parte, estimulando o voluntariado de nossos colaboradores, cuidando da saúde deles e também da nossa comunidade em Diadema”, afirmou.

Alé disso, nesta semana, o Fundo Social enviou ofício para instituições que financiam projetos de empreendedorismo para montagem de mais centros de produção de máscaras. “Também estamos tentando outros locais para produção de mais máscaras e aventais. Assim é possível produzir os insumos e gerar renda para as costureiras”, ressaltou Caroline Rocha.

Doações

Além de tecidos para confecção de máscaras caseiras, é possível doar alimentos e itens de limpeza e higiene nos dois postos do Drive Thru Solidário. População e empresas que fabricam insumos para confecção das peças como linhas para máquinas de costura reta e/ou overloque e elástico também podem fazer sua doação no Drive Thru.

Serviço:

Pontos de arrecadação / Drive Thru Solidário

De segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.

Posto 1. Prefeitura de Diadema

Rua Almirante Barroso, 111 – Vila Santa Dirce.

Posto 2. Fundação Florestan Fernandes

Rua Manoel da Nóbrega, 1149 – Centro.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe eu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*