Economia, Notícias

Feriado tem aluguel a partir de R$ 150 no Litoral Sul

Feriado tem aluguel a partir de R$ 150 no Litoral Sul
Praia Grande, no Litoral Sul: locação mais barata. Foto: Arquivo

Estão no Litoral Sul de São Paulo os imóveis com os menores valores de aluguel diário para quem pretende passar o feriadão da Semana Santa na praia. É em cidades como Mongaguá, Praia Grande, Itanhaém e Peruíbe que se encontram em oferta apartamentos e casas de dois e três dormitórios com preços menores que os de imóveis similares nas faixas Norte e Central do Litoral paulista.

Pesquisa feita com 38 imobiliárias de 12 cidades pelo Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (CreciSP) apurou que apartamentos de dois dormitórios, por exemplo, estão sendo ofertados em média por R$ 337 diários no Litoral Sul, valor 43,9% inferior aos R$ 600 diários que os proprietários pedem pelo aluguel desse tipo de imóvel no Litoral Norte, em cidades como Ilhabela, Caraguatatuba e Ubatuba.

Outro tipo de imóvel muito procurado pelas famílias, os apartamentos de três dormitórios saem por R$ 700 diários nas cidades do Litoral Norte, R$ 550 em Guarujá e Santos no Litoral Central e R$ 433 no Litoral Sul. Imóveis menores também são mais baratos no Sul: a diária de apartamentos de um dormitório custa em média R$ 215 nas cidades dessa faixa, valor que sobe para R$ 380 na faixa central e R$ 350 no Norte.

É também nas cidades da faixa Sul que se pode alugar um apartamento do tipo quitinete por R$ 150 diários, o menor preço registrado entre os 20 tipos de imóveis em oferta nas imobiliárias pesquisadas para o período que vai de 30 de março, quando se celebra a Paixão de Cristo, até 1º de abril, dia de Páscoa.

O aluguel mais caro é o de casas de quatro dormitórios em cidades do Litoral Central – a diária média custa R$ 2.150, valor 437,5% maior que os R$ 400 cobrados no feriado de 2017.

“É uma marola criada pelo fim da recessão”, argumenta José Augusto Viana Neto, presidente do CreciSP, ao falar das causas prováveis desse e de outros aumentos significativos detectados pela pesquisa. Nessas mesmas cidades do Litoral Central, subiu quase 100% o aluguel diário de casas de três dormitórios.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*