Minha Cidade, Regional, Sua região

Feriado chuvoso tem volta antecipada

Com a volta antecipada da baixada, ontem a rodovia dos Imigrantes teve trânsito intenso. Foto: Joel Silva/Folhapress

Motivado pelo calor da semana passada, que chegou a ter 32,8ºC de temperatura máxima na sexta-feira (11), o paulistano que desceu a serra na esperança de aproveitar o feriado prolongado na praia acabou se frustrando. Os três dias até aqui foram de tempo fechado e chuva, o que fez com que muita gente antecipasse a volta: na tarde de ontem (14), mais de dois terços dos 277 mil veículos que chegaram ao litoral sul paulista pelo sistema Anchieta-Imigrantes desde sexta já tinham voltado.

A “roubada” levou até a pousadas oferecem créditos de diárias a seus clientes como compensação pelos dias perdidos. José Francisco da Silva, 53, alugou um quarto em Boraceia (praia de São Sebastião) para passar o feriado com a família.

O plano era ficar até hoje (15), mas com a chuva intermitente, resolveu voltar ontem após o almoço. “Me deram crédito para usar em outra vez”, diz, conformado. “O tempo estava muito ruim. Muita gente já foi embora no domingo.” Segundo Silva, ele não foi o único -com a saída antecipada pelo mau tempo, outros hóspedes da pousada também negociaram o valor da estadia.

Carlos Eduardo Araújo, 50, foi com a família para Santos na sexta. Para o turista, depois de tanta água, não vale a pena insistir na viagem. “Sábado choveu o dia todo, domingo choveu o dia todo. Hoje (segunda) chove e para, chove e para. Não faz sentido ficar, não dá para fazer nada. Até tentei dar uma volta no calçadão, mas voltou a chover.”, destacou

Teve até quem viesse de outro Estado. Mateus Zaghi Nogueira, 28, veio em dez pessoas de Guaranésia (MG) para a casa do tio em Praia Grande. “A gente até foi para a praia para não perder a viagem, mas não dá para aproveitar muito não”, afirmou.

A programação de lazer acabou tendo que ser feita em locais fechados. “Fomos mais para shopping mesmo”, diz, resignado, enquanto iniciava a viagem de mais de quatro horas de volta para Minas.

Trânsito

Além dos transtornos com o clima ruim, os viajantes ainda passaram pelos congestionamentos nas rodovias, comuns a essas datas. Na ida, no sábado, Silva levou nove horas para chegar da capital ao seu destino. “Saí às 10h e cheguei às 19h, estava horrível”, afirma. Na pousada em que ficou, conversou com um senhor que levou 12, saindo de Sorocaba.

A volta, no entanto, deve ser tranquila na parte final do feriado prolongado. O trânsito do retorno é mais diluído, uma vez que, em função do mau tempo, os motoristas deixaram o litoral em diferentes dias e horários.

Como o sistema Anchieta-Imigrantes realiza a operação de subida da serra, com oito pistas sentido São Paulo (todas as seis da Imigrantes e mais duas da Anchieta) e apenas duas da Anchieta para a descida, a volta para a região metropolitana não deve ter congestionamentos. Enfrenta problemas quem tiver que descer por algum motivo -a Anchieta tem pontos de tráfego inteiramente parado.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*