Diadema, Minha Cidade, Sua região

Estudante de Diadema reage a assalto e é morto com tiro

Um universitário de 20 anos morreu nesta quinta-feira (29) com um tiro na cabeça após reagir a uma tentativa de assalto em Diadema. O crime aconteceu por volta das 22h30 da quarta-feira, quando o ajudante geral Deivid Valdiel da Silva, que estava no terceiro semestre do curso de direito, voltava a pé da faculdade para casa.

Uma testemunha disse à polícia que viu quando dois homens em uma moto, uma CG preta, abordaram Silva na avenida José Bonifácio, no bairro Serraria. Segundo a testemunha, que passava de carro pela avenida, o jovem reagiu à tentativa de assalto e lutou com os bandidos, que foram derrubados da moto pelo universitário.

A testemunha disse ainda que viu os criminosos agredindo o jovem com socos e chutes. Somente após passar pela cena do crime, a testemunha ouviu dois disparos de arma de fogo e viu quando os bandidos fugiram do local com a moto. Silva foi socorrido por uma equipe do Samu e levado ao Hospital Estadual do Serraria, onde passou por uma cirurgia de emergência. Porém, não resistiu aos ferimentos e morreu pela manhã.

Segundo familiares, nenhum pertence de Silva foi levado. No hospital, a família recebeu as roupas e a mochila rasgadas, além de um boné, que Silva usava, com uma perfuração. A polícia acredita que as roupas foram danificadas no resgate. Já o boné foi perfurado pela bala que atingiu o jovem na cabeça. O delegado Nelson Caneloi Júnior, responsável pelo caso, disse ontem que nenhum suspeito do crime foi preso. O universitário foi enterrado ontem (31) no Cemitério Vale da Paz, em Diadema.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*