Uncategorized

Estado de São Paulo volta a atingir recorde de novos casos de coronavírus

Com quatro meses de pandemia do coronavírus em São Paulo e indicativos de arrefecimento na crise, o Estado tornou a bater um recorde de novos casos confirmados da doença nesta quarta-feira (22), com mais 16.777 infecções. Há 439.446 pessoas com a covid-19 no Estado, que nesta quarta computou mais 361 mortes, chegando ao total 20.532 óbitos.

O dado desta quarta não é o número com mais casos registrados de covid-19 no Estado, e sim o segundo maior. O recorde é do dia 19 de junho, quando houve 19 mil casos. Entretanto, naquela ocasião, houve falha de sistema e ficou três dias sem computar novos casos, e todos foram lançados na mesma data.

O novo secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, atribuiu o recorde ao aumento de testes para a detecção da doença. Nos portais do governo do Estado que dão informações sobre a pandemia, o dado mais recente é o da primeira semana de julho, em que foram feitos uma média de 18 mil testes. Em junho haviam sido feitos 663 mil exames.

“A identificação de maior número de casos não significa obrigatoriamente pio­ra estatística. É óbvio: se não testo, eu digo ‘olha, me­lhorou, estamos melhores’ e não é isso que se quer. Queremos testar, queremos identificar”, afirmou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*