Minha Cidade, São Bernardo do Campo, Sua região

Em São Bernardo, Bom Prato do Assunção serve 596 almoços no primeiro dia

Bom Prato do Assunção serve 596 almoços no primeiro dia
Carla e Morando acompanharam o início do serviço que tem capacidade de oferta de até 800 marmitex. Foto: Divulgação/PMSBC

A unidade avançada do Bom Prato de São Bernardo (Avenida Humberto de Alencar Castelo Branco, 4381), no bairro Assunção, cuja abertura ocorreu na manhã desta segunda-feira (11), serviu 596 marmitex durante o horário do almoço, em seu primeiro dia de funcionamento.

O novo equipamento, que tem capacidade de servir até 800 almoços diários, tem o objetivo de garantir a segurança alimentar de pessoas em alta vulnerabilidade social e evitar aglomerações no Bom Prato Dia & Noite, no Centro. O prefeito Orlando Morando acompanhou o início do serviço ao lado da primeira-dama e deputada estadual Carla Morando.

“Durante a pandemia da Covid-19 não vai faltar alimento para os moradores de São Bernardo. Abrimos essa unidade avançada para servir marmitex de forma emergencial para os moradores do Assunção, Grande Alvarenga, Alves Dias e região. Isso só foi possível graças a parceria feita com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, que contou com a articulação da deputada estadual Carla Morando”, explicou o chefe do Executivo.

A prefeitura efetivou termo de parceria com o Crami ABCD (Centro Regional de Atenção aos Maus Tratos na Infância do ABCD), organização da sociedade civil (OSC) responsável pela gestão da unidade de São Bernardo. A nova unidade serve apenas almoços, em formato de marmitex, a preço popular de R$ 1, a partir das 11h.

O Bom Prato do Centro continua a servir as três refeições (café da manhã, almoço e jantar). A ação será válida enquanto perdurar os efeitos causados pelo estado de calamidade pública em razão da pandemia de covid-19, mediante autorização do governo estadual.

IMÓVEL ARRECADADO

O espaço para a instalação do Bom Prato de Campanha foi cedido pela Secretaria de Cultura e Juventude, onde será instalada a Tenda Cultural, fechada em razão da pandemia. A área foi recuperada pela prefeitura em 2019, por meio da lei municipal que autoriza a administração a tomar posse de imóveis abandonados particulares e que acumulam dívidas com o município, visando a utilização social dessas áreas.

2 Comentários

  1. Excelente iniciativa. Ajudando muita gente na região.

  2. MAURICIO GASPARINI

    Sou vizinho do Bom Prato assunção,achei e acho um absurdo como temos pessoas sem noção na população,muitas pegando mais de uma marmita entrando na fila por mais de uma vez,não a fiscalização para que isso não aconteça,e o pior de tudo são pessoas que nem precisam tanto parando seus carros e pegando marmitas e tirando a vez de quem mais precisa.Hoje poe exemplo acabou cedo.quando o povo que mais precisa chegou os portões ja estavam fechados.Fiscalizem isso o programa é bom o que falta é conciencia

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*