Minha Cidade, São Bernardo do Campo, Sua região

Em São Bernardo, 41 mil moradores já tiveram contato com o coronavírus

Prefeitura de São Bernardo conclui primeira fase de inquérito epidemiológico sobre o Coronavírus
Coletas de exame e de informações dos moradores foram realizadas pelas Equipes de Saúde da Família. Foto: Ricardo Cassin/PMSBC

A primeira etapa do inquérito epidemiológico realizado pela Prefeitura de São Bernardo mostrou que pelo menos 41 mil moradores do município já tiveram contato com o coronavírus.

Entre 1º e 29 deste mês foram realizados 3.304 testes rápidos em domicílio, com a aplicação de 5.386 questio­nários a respeito das condições de saúde da população de todos os bairros. O objetivo do estudo é de realizar mapeamento completo a respeito da evolução da covid-19 na cidade.

As coletas de exame e de informações dos moradores foram realizadas pelas Equipes de Saúde da Família em toda a cidade. O morador foi esco­lhido de forma aleatória e submetido a teste sorológico para detectar o coronavírus. Todos os residentes do imóvel presentes no momento da visita responderam perguntas sobre condições de saúde, fatores de risco e nível de exposição à doença. Nesta primeira fase do inquérito, 5% da população testada apresentou resultado positivo para a doença.

“Esta é mais uma importante ação desenvolvida pela nossa Secretaria da Saúde. A análise dos dados nos permitirá expandir a estratégia de combate ao coronavírus de forma mais eficaz por todo o nosso território, respeitando as particularidades de cada local”, destacou o prefeito Orlando Morando.

A administração municipal aguarda, agora, o resultado de outros dados do inquérito epidemiológico, como o estudo qualitativo das informações coletadas por meio da plataforma COVIData, que serão analisadas e apresentadas pela a Universidade Federal do ABC (UFABC), parceira no projeto. A Faculdade de Medicina do ABC (FMABC), que também participa da ação, seguirá com as análises dos testes laboratoriais.

“Temos uma boa base para trabalhar a partir da amostragem da prevalência da covid-19 na cidade e por todos os dados já apurados pela Vigilância Epidemiológica. A próxima etapa será testar todos os familiares dos moradores que apresentaram resultado positivo para a doença e seguir orientando para que os pacientes cumpram isolamento e distanciamento social. O objetivo é evitar que o vírus continue a se espalhar”, explicou o secretário de Saúde, Geraldo Reple.

TESTAGEM EM MASSA

Atualmente, o município aplica testagem em massa nos idosos com comorbidades e agregou o exame ao pré-natal de 3.500 gestantes acompanhadas pela rede de saúde municipal.

1 comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*