Brasileirão, Esportes

Em grande exibição, Palmeiras goleia Atlético-GO no 100º jogo de Abel Ferreira

Em grande exibição, Palmeiras goleia Atlético-GO no 100º jogo de Abel Ferreira
Raphael Veiga comemora seu gol, que abriu a goleada palmeirense. Foto: Cesar Grego/Agência Palmeiras

O Palmeiras goleou nesta quarta-feira (10) o Atlético-GO, por 4 a 0, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foi o sexto triunfo consecutivo da equipe alviverde, que celebrou a 100ª partida sob o comando da comissão liderada pelo português Abel Ferreira. No Allianz Parque, o Palmeiras fez apresentação robusta, com excelentes atuações de Raphael Veiga, Gustavo Scarpa, Rony e Dudu.

Como o resultado, o Palmeiras mantém a distância de dez pontos para o líder Atlético-MG e garante a vice-liderança por mais uma rodada. Enquanto isso, o Atlético-GO sofre sua terceira derrota consecutiva, cai para a 15ª posição no nacional e começa a se preocupar com a zona de rebaixamento.

Sem Piquerez e Gómez, cedidos as suas seleções, o time alviverde também não pôde contar com Felipe Melo, que foi poupado novamente. Victor Luís e Kuscevic ganharam vagas na equipe titular. A equipe rubro-negra entrou em campo com uma homenagem a Iris Rezende, ex-prefeito de Goiânia e governador de Goiás, que morreu na última terça-feira, aos 87 anos. Os jogadores carregaram o nome do torcedor ilustre às costas de seus uniformes.

O Palmeiras começou a partida com intensa movimentação ofensiva, pressionado o rival no campo de ataque e buscando recuperar rapidamente o controle da bola. Porém, aos quatro minutos, uma falha defensiva deu chance ao Atlético-GO de abrir o placar com Ronald, que desperdiçou só tendo Weverton a sua frente. A primeira boa chance do alviverde veio aos oito com Dudu, que repetiu a dose segundos depois.

Aos 14 minutos, o gol veio do jeito que o Palmeiras gosta e justamente com o artilheiro da era Abel Ferreira. Weverton lançou com as mãos para Scarpa, que carregou, em velocidade, da ponta direita para a entrada da área e deu assistência para Veiga, que bateu de primeira no canto inferior esquerdo do goleiro. Foi o 27º tento assinalado pelo meia desde o início do trabalho da comissão técnica portuguesa.

Nos minutos seguintes, o Palmeiras não perdeu seu ímpeto ofensivo e seguiu buscando o gol. Gustavo Scarpa e Victor Luís criaram as chances mais perigosas. O Atlético-GO tentava responder em jogadas de bola parada, mas foi na bola parada que o time da casa ampliou a vantagem. Rony de cabeça desviou cobrança de Gustavo Scarpa para alegria do torcedor palmeirense.

No segundo tempo, logo na saída de bola, o Palmeiras já mostrou a que veio, construindo oportunidades de diversas maneiras. Fosse em contra-ataques ou jogadas mais trabalhadas, com passes de pé em pé, o time alviverde chegava ao ataque com perigo.

A velocidade seguiu como aliada da equipe palmeirense. Jogadas pelos dois flancos levavam perigo à meta de Fernando Miguel. O time goianiense tentou criar alternativas, mas nada que pudesse incomodar Weverton. Anderson Daronco foi chamado ao VAR para rever lance em que a bola bateu no braço de Marlon Freitas dentro da grande área. Após a revisão, o pênalti foi marcado. Gustavo Scarpa coroou sua atuação, cobrando a penalidade. Bola para um lado, goleiro para o outro, e 3 a 0 no placar.

Após o terceiro gol, o Palmeiras diminuiu o ritmo e passou a levar menos perigo para a defesa goianiense. O time rubro-negro manteve a busca por um gol, mas não conseguiu. Nos acréscimos, nova jogada de velocidade pela direita, com passe de Patrick de Paula para Dudu, que rolou a bola para a segunda trave, onde Breno Lopes concluiu, dando números finais à partida no Allianz Parque.

O próximo compromisso do Palmeiras é no Maracanã. No domingo, às 18h15, o time alviverde visita o Fluminense. O Atlético-GO recebe o Santos, no sábado, às 17h, buscando se recuperar da sequência de resultados negativos no Campeonato Brasileiro.

VISITA ILUSTRE

Na capital paulista para a disputa do GP de São Paulo de Fórmula 1, o piloto Lando Norris, da McLaren, compareceu ao Allianz Parque para a acompanhar a partida da equipe alviverde. O britânico posou para fotos com a camisa do Palmeiras ao lado do compatriota Callum Ilott, que pilota pela Fórmula 2 e é reserva da Alfa Romeo. Norris é o quinto colocado no mundial de pilotos.

PALMEIRAS 4 X 0 ATLÉTICO-GO

Gols: Raphael Veiga, aos 14, e Rony, aos 32 minutos do 1º tempo. Scarpa, aos 19, e Breno Lopes, aos 46 da segunda etapa. Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS). Renda: R$ 1.130.116,36 (19.165 pessoas). Estádio: Allianz Parque, em São Paulo (SP).

PALMEIRAS

Weverton; Marcos Rocha (Mayke), Luan (Renan), Juscevic e Victor Luís; Danilo e Zé Rafael; Raphael Veiga (Patrick de Paula) e Gustavo Scarpa (Breno Lopes); Dudu e Rony (Luiz Adriano). Técnico: Abel Ferreira

ATLÉTICO-GO

Fernando Miguel; Dudu (Arnaldo), Wanderson, Eder e Igor Cariús; Willian Maranhão (Marlon Freitas) e Gabriel Baralhas, Janderson e João Paulo (Oliveira); Ronald (Toró) e Zé Roberto (Montenegro). Técnico: Eduardo Souza.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*