Minha Cidade, Regional, Sua região

Doria apresenta projeto do BRT ABC; obra deve começar em julho

Reunião contou com a presença de prefeitos e autoridades políticas do ABC. Foto: Ricardo Cassin/PMSBC
Reunião contou com a presença de prefeitos e autoridades políticas do ABC. Foto: Ricardo Cassin/PMSBC

O governador João Doria apresentou nesta sexta-feira (7), o projeto do BRT-ABC, sistema de transporte rápido que conectará com ônibus elétrico, via corredor exclusivo, São Paulo, São Caetano, São Bernardo e Santo André. Serão investidos, exclusivamente pela iniciativa privada, R$ 859 mi­lhões no novo modal de transporte metropolitano que terá capacidade para transportar 115 mil pessoas por dia.

“Estamos muito felizes de assinarmos o projeto do BRT do ABC. Esse é o primeiro BRT aqui no Estado, que vai permitir a ligação de áreas importantes do ABC. Uma iniciativa que exigiu estudos, planejamento, análises, para permitir que com essa alternativa, com esse mo­dal, oferecêssemos o menor tempo possível ao menor investimento viável e, principalmente, em um tempo reduzido de implementação”, destacou.

O projeto do BRT-ABC prevê 18 quilômetros de via expressa, com 20 paradas, três terminais e uma frota de 82 ônibus elétricos, com ar-condicionado, silenciosos e não poluentes, articulado, com 23 metros. O sistema de integração dos municípios da região com a capital fará o trajeto de ponta a ponta, do terminal São Bernardo ao Terminal Sacomã, na capital, em 40 minutos na modalidade expressa. Além do bilhete expresso que dará a opção do passageiro fazer menos paradas, haverá duas outras opções, tradicional e semiexpressa.

A obra será iniciada após a conclusão do projeto executivo em andamento, com previsão de início até o final de julho e de entrega e operação total em 2023. A empresa Metra será a responsável pela implementação e gerenciamento e terá direito a 25 anos de exploração da concessão. O sistema se conectará a CPTM, Metro, Expresso Tiradentes, linhas da SPtrans e ao Corredor ABD. Na Estação Tamanduateí o passageiro terá a opção de acessar a Linha 2-Verde do Metro ou a Linha 10-Turquesa da CPTM, de lá o passageiro tem a opção de seguir até a estação Sacomã, integrando também ao Expresso Tiradentes.

ESTUDANTES

Além de ser uma nova opção aos trabalhadores do ABC que se deslocam até a capital, o novo modal de transporte atenderá especialmente aos estudantes da região. O BRT passará pelo Instituto Mauá, Fundação Santo André, Fundação ABC entre outas universidades.

“O BRT-ABC vai levar os passageiros de modo eficiente e absolutamente coerente com a demanda da região, de acordo com os estudos de origem-destino realizados. Todos o investimentos da implementação serão feitos pela iniciativa privado, fiscalizados pelo estado”, comentou o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Bal­dy. “Esperamos que em 2022 tenhamos o BRT ABC operacional para a população”, pontuou Baldy.

“Com as obras do BRT ABC, São Bernardo passará a ter sua primeira conexão, via transporte público, ao sistema metroviário de São Paulo, o que é extremamente importante para nossa população que se desloca diariamente até a Capital. O BRT soma-se ainda ao anúncio que tivemos nesta semana do início, no próximo mês, das obras do Piscinão Jaboticabal e dos investimentos no Corredor ABD”, destacou o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando.

Para o prefeito de Santo André, Paulo Serra, “o novo modal escolhido foi o mais apropriado e eficaz para avançarmos ainda mais na pauta da mobilidade em nossa cidade”.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*