Brasileirão, Esportes

‘Dividido’ entre Brasileiro e A2, São Caetano recebe o Caxias em estreia na Série D

'Dividido' entre Brasileiro e A2, São Caetano recebe o Caxias em estreia na Série D
Gallo comanda treino do São Caetano no Anacleto Campanella. Foto: Fabrício Cortinove/ADSC

O São Caetano inicia neste sábado (19) sua terceira participação na Série D do Campeonato Brasileiro. Assim como ocorreu no ano passado, o Azulão abre sua participação contra o Caxias, mas desta vez no Anacleto Campanella, às 18h.

Em meio à disputa das semifinais da Série A2 do Campeonato Paulista, o time do técnico Alexandre Gallo entra na quarta divisão do futebol nacional com a ambição de conseguir o acesso à Série C. Por isso, o treinador leva a campo o que tem de melhor para encarar o vice-campeão gaúcho.

“A gente projeta uma partida difícil. O Caxias foi finalista de seu Estadual, possui boa equipe. Porém, vamos com muita força, determinação para buscar essa vitória jogando em casa. É o começo do Brasileiro, e é muito importante começar bem”, afirmou Gallo.

O treinador vê semelhanças entre a quarta divisão do Brasileiro e a Série A2. “As competições se equiparam, são duras, com boas equipes. A questão da força é bem latente. Precisamos entrar com esse espírito, mas tentando colocar nosso estilo de jogo, com a bola mais no chão. Esperamos por muitas dificuldades em função disso, mas temos de nos adaptar o mais rápido possível e entrar com tudo na competição”, analisou.

Nesta sexta-feira, o São Caetano anunciou a contratação do volante Marcílio, ex-Atlético Acreano e revelado pelo Santa Cruz-PE.

REFORÇADO

O Caxias reforçou-se com sete jogadores para a disputa da Série D. Os zagueiros Erik, Mailson e Rafael Goiano, o meia-atacante Matheuzinho e os atacantes Claudinho, Marcelo Campanholo e Giovane Gomez foram contratados após a final do Gaúcho visando a competição nacional.

Para a partida, o técnico Rafael Lacerda não poderá comandar a equipe na beira do gramado, devido à punição aplicada ainda do ano passado, após partida diante do Manaus. Além dele, o lateral Eduardo Diniz, o goleiro Marcelo Pitol e o atacante Juninho Potiguar também estão suspensos por punições em competições nacionais.

“É um jogo importantíssimo, contra um adversário de tradição que está fazendo grande campanha na Série A2, mas temos de pensar em nossos objetivos. Mesmo jogando fora de casa, contra um grande adversário, esperamos fazer boa partida e colocar em prática o que estamos fazendo em 2020”, comentou Lacerda, à TV Grená, nesta sexta-feira.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*