Brasileirão, Esportes

Derrotas seguidas pressionam Corinthians e Loss

Derrotas seguidas pressionam Corinthians e Loss
Jadson: “No futebol brasileiro, o importante é a vitória”. Foto: Divulgação/Agência Corinthians

Osmar Loss ainda não sabe o que é vencer como técnico do Corinthians. Nos dois jogos em que esteve à frente da equipe, perdeu para o Millonarios-COL, pela Libertadores, e para o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro. A torcida ainda apoia o substituto de Fábio Carille, mas ele mesmo sabe que novo resultado ruim, na quinta-feira, contra o América-MG, vai aumentar a pressão que já carrega.

O elenco corintiano também está ciente disso. Tanto que jogadores experientes como o meia Jadson, 34 anos, se comprometem a fazer maior esforço para ajudar o novo treinador a deslanchar.

“Nessa transição (de técnicos), o importante são as vitórias. Às vezes, é melhor não jogar tão bem e ganhar de 1 a 0. No futebol brasileiro, o importante é a vitória”, disse o camisa 10 do time.

“Vai ser um jogo difícil contra o América-MG. Porém, jogando em casa, a gente precisa vencer para encostar nos líderes, para dar confiança ao Loss. Vamos trabalhar seriamente para fazer um bom jogo”, emendou Jadson.

Com os resultados da última rodada, o Corinthians caiu da terceira para a sexta posição, com 11 pontos, três a menos do que o líder Flamengo. Na quinta-feira, o duelo com o Coelho ocorre às 18h, em Itaquera, pela oitava rodada.

Romero

O Corinthians corre o risco de perder mais um jogador por problemas físicos. Romero será reavaliado pelo departamento médico alvinegro hoje e pode perder o duelo com o América-MG, na próxima quinta-feira, no Itaquerão.

De acordo com o médico Ivan Grava, o atacante se queixou de dores na virilha no segundo tempo da partida contra o Inter, no último domingo, e pediu para ser deixar o gramado do Beira-Rio. “Romero disse que sentiu peso e desconforto no adutor, sentiu dores na corrida, na passada e ao bater na bola”, disse Grava.

O time corintiano tem entrado em campo com muitos desfalques. Hoje, Clayson, Renê Júnior e Ralf se recuperam de problemas físicos. Fagner, que se apresentou à seleção na última semana, também ficou fora de algumas partidas por lesão.

De acordo com Grava, os volantes Ralf e Renê Júnior iniciaram ontem a transição com o departamento físico. O campeão mundial se recupera de lesão no ombro ocorrida dia 25 de abril, enquanto Renê busca a reabilitação após entorse no joelho sofrida um dia antes.

Clayson deve demorar alguns dias até começar a transição. O atacante passou por uma artroscopia no joelho direito no último dia 4. O trio ficará à disposição durante a parada da Copa.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*