Esportes, Futebol, Paulistão

Denunciado, Fagner corre risco de desfalcar Corinthians

Cueva e Fagner foram denunciados por “empurrar acintosamente o adversário". Foto: Rodrigo Gazzanel/Futura Press/FolhapressUm dos principais jogadores do elenco do Corinthians, o lateral direito Fagner pode perder o segundo jogo da final do Campeonato Paulista, diante da Ponte Preta, no dia 7 de maio, no Itaquerão.

Ontem (26), o presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), Antônio Olim, confirmou que o lateral e o meia são-paulino Cueva serão julgados na próxima terça-feira, às 17h30.

Durante o clássico entre as equipes, pela semifinal do Estadual, os jogadores se provocaram e trocaram agressões. O árbitro Flávio Rodrigues de Souza e seus auxiliares não viram o lance. Após análise das imagens, a Procuradoria do TJD-SP resolveu denunciá-los pelo artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, “empurrar acintosamente o companheiro ou adversário, fora da disputa da jogada”, que prevê punição de suspensão por até três jogos.

O advogado do Corinthians João Zanforlin disse que o clube ainda não foi notificado do julgamento. Mesmo assim, criticou o fato de Fagner ter sido denunciado pelas imagens da TV. “Apitar jogo por imagem e julgar por imagem é mais fácil”, disse.

O lateral está liberado para o jogo de ida, no domingo (30). Fagner e outros oito jogadores corintianos estão pendurados em cartões amarelos.

Também correm risco de perder o duelo de volta por acúmulo de cartões Arana, Gabriel, Maycon, Rodriguinho, Jadson, Romero e Jô, além do reserva Léo Jabá.

Diante dessa situação, o técnico Fábio Carille pode promover algumas mudanças na equipe principal pensando no confronto que decide o título, na Arena Corinthians.

Ontem, por exemplo, o treinador testou o meia Pedrinho na vaga de Jadson, que não participou do treino com bola devido ao desgaste físico.
Empréstimo

O Corinthians também acertou ontem (26) o empréstimo do meia-atacante Guilherme para o Atlético-PR. O clube paranaense anunciou o acerto em seu site oficial e ficará por um período de dois anos como o jogador.

Guilherme foi contratado no início de 2016, mas nunca se firmou no time alvinegro. O Corinthians continuará pagando parte do seu salário até o fim do empréstimo.

 

Sem Jadson, Carille testa formação para partida no Moisés Lucarelli

Fábio Carille, técnico do Corinthians, fez ontem (26) o primeiro treino da semana com seus titulares em campo. Com exceção de Jadson, ainda desgastado pela sequência de jogos, o técnico pôde trabalhar com a formação que vai escalar diante da Ponte Preta, domingo, no Moisés Lucarelli.

Sem seu camisa 77, o treinador testou o jovem Pedrinho entre os titulares. Apesar do desgaste físico, porém, o principal armador do time não preocupa para a final e deve voltar a treinar com o grupo hoje, no CT.

Neste treinamento, aliás, Fábio Carille pretende trabalhar as bolas paradas, o que não era feito devido à maratona de partidas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*