Minha Cidade, Regional, Sua região

Defesa Civil estadual anuncia revisão do mapa das áreas de riscos no ABC

Defesa Civil estadual anuncia revisão do mapa das áreas de riscos no ABC
Assembleia mensal do Consórcio ABC teve apresentação do coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Nyakas. Foto:Divulgação/Consórcio ABC

O secretário-chefe da Casa Militar e coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Walter Nyakas Júnior, informou nesta terça-feira (3/9) aos prefeitos do  ABC que haverá uma revisão, no próximo ano, dos mapas das áreas de ricos nas sete cidades. O anúncio ocorreu durante a assembleia mensal do Consórcio Intermunicipal Grande ABC.

“A região, por meio do Instituto Geológico e com financiamento do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento, terá no próximo ano todos os mapeamentos das regiões de áreas de ricos serão todos revistos, como uma ação preventiva”, afirmou Nyakas.

Em 2012, o Consórcio ABC contratou o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) para desenvolvimento dos Planos Municipais de Redução de Riscos (PMRRs) para Santo André, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra e o mapeamento de inundações e alagamentos para São Caetano do Sul. Na ocasião, os demais municípios da região já possuíam o instrumento. Para o vice-presidente do Consórcio ABC e prefeito de Ribeirão Pires, Adler Teixeira – Kiko, a revisão dos mapas das áreas de contenção de riscos é muito importante para a região, por se tratar de uma medida preventiva. “Vivemos em uma região com acidentes naturais comuns, que são enchentes e deslizamentos. A prevenção é o melhor caminho para evitar acidentes desses tipos”, afirmou Kiko, que presidiu a reunião na ausência, por um problema de saúde, do presidente da entidade regional e prefeito de Santo André, Paulo Serra.

Durante a reunião, Nyakas apresentou ainda um balanço das ações preventivas, assistenciais e reconstrutivas realizadas pela Defesa Civil estadual, com o objetivo de evitar ou minimizar os desastres naturais e restabelecer a normalidade social. “A nossa preocupação sempre é não trabalhar apenas na resposta, mas também na prevenção. Esse é um trabalho que passa por estruturação e treinamento, entre outras ações. Aproveitamos o momento, período de estiagem, para treinar os agentes de regiões com risco de acidentes durante o verão”, explicou.

O vice-presidente do Consórcio ABC ressaltou que a prestação de contas da Defesa Civil estadual foi esclarecedora, apontando as principais ações realizadas durante as fortes chuvas que atingiram a região no primeiro semestre. “Vivemos situação muito difícil por conta das chuvas em março. O fato de o representante maior da Defesa Civil no Estado estar vindo no Consórcio ABC e apresentar as ações que estão sendo feitas é muito positivo”, afirmou Kiko.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*