Esportes, Futebol

Decisivo, Pikachu comemora rápida adaptação no S.Caetano

Contratado pelo São Caetano após se destacar pelo Barretos na Série A2, Ualisson Pikachu tem sido um dos principais destaques da equipe do ABC nos últimos jogos da Copa Paulista. Não foi diferente na vitória de domingo (9) por 2 a 0 sobre o Rio Claro, quando teve participação crucial nos dois gols do Azulão.

No primeiro, o atacante sofreu o pênalti convertido por Raphael Toledo. No segundo, Pikachu construiu o lance que culminou no gol anotado por Daniel Costa. Curtindo a boa fase, o homem de frente comemorou a rápida adaptação ao clube.

“Fico muito feliz pelo atual momento. Por onde passei sempre fui muito bem, fui vitorioso. Esperei minha oportunidade chegar e estou aproveitando cada chance. Espero permanecer nesta sequência positiva e ajudar o time a se classificar”, disse o atacante.

Anteriormente, Pikachu já havia se destacado pelo Azulão na vitória sobre o Mirassol. Na ocasião, o atacante marcou os dois gols do São Caetano no triunfo por 2 a 1 frente ao Leão.

Quem também aprovou o resultado de domingo foi o técnico Luiz Carlos Martins. Na opinião do treinador, o Azulão soube superar as dificuldades para garantir o resultado positivo.

“Na teoria é um campeonato que parece fácil, mas é complicado. O time ficou um pouco tenso por saber o resultado do adversário (vitória do Mirassol sobre o São Paulo por 3 a 2). Queira ou não, tem aquela obrigação de ganhar, mas isso é para quem sempre está nas primeiras colocações e briga lá em cima”, disse.

Mirassol, Rio Claro e São Caetano dividem a primeira colocação do Grupo 8 com sete pontos, contra um do eliminado São Paulo. Amanhã, o Azulão visita o Leão às 10h, enquanto o Rio Claro encara o São Paulo no mesmo dia e horário, no Morumbi. O Azulão encerra sua participação no domingo, contra o Tricolor, no Campanella.

Água Santa respira

A derrota por 2 a 0 para o São Carlos no sábado só não eliminou o Água Santa da Co­pa Paulista porque o Pena­polense segurou o XV de Piracicaba (empate por 1 a 1). Porém, a situação do Netuno segue complicada no Grupo 5.

Com um ponto, o time de Diadema precisa de duas vitórias – sobre o Penapolense, amanhã, no Inamar, e sobre o XV de Piracicaba, fora, no domingo – e de duas vitórias do São Carlos nos jogos restantes da chave pa­ra avançar na competição.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*