Esportes, Paulistão

‘Decidir em casa é uma vantagem’, diz técnico do Azulão, após empate com o XV

'Decidir em casa é uma vantagem', diz técnico do Azulão, após empate com o XV
Gallo: “Jogar no campo que você treina é uma vantagem”. Foto: Fabrício Cortinove/ADSC

A igualdade sem gols no placar do primeiro jogo da semifinal da Série A2, entre XV de Piracicaba e São Caetano, demonstrou o equilíbrio do confronto realizado no Barão da Serra Negra. Porém, o técnico Alexandre Gallo considerou positivo o resultado da última quarta-feira, tendo em vista as circunstâncias da partida.

“No primeiro tempo tivemos um bom jogo, técnico, poderia ter sido até melhor (o resultado). Criamos boas oportunidades e erramos o último passe na entrada da área deles. No segundo tivemos problemas físicos com nossos dois zagueiros e isso atrapalhou a remontagem da defesa”, explicou Gallo.

Para o duelo seguinte entre as equipes, Gallo comemora a possibilidade de decidir o acesso atuando em seus domínios.

“É uma vantagem, após o jogo nervoso como foi (o primeiro duelo da semifinal). Quando você está dentro dos seus domínios, jogar no campo em que você treina é uma vantagem. Claro que queríamos vencer. Porém, por tudo que aconteceu no segundo tempo, poder decidir em casa é bom”, avaliou.

O segundo duelo da fase semifinal será realizado na próxima quarta-feira (30), às 16h30, no Anacleto Campanella. No caso de nova  igualdade no placar, o finalista da Série A2 do Campeonato Paulista será definido nos pênaltis.

Antes do embate pelo Estadual, o Azulão volta a campo pela Série D do Brasileiro. No sábado (26), às 17h, o São Caetano enfrenta o São Luiz no estádio 19 de Outubro, em Ijuí (RS). Assim como ocorreu na estreia contra o Caxias (derrota por 1 a 0), Gallo deve levar a campo um time alternativo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*