Brasileirão, Esportes

Cuca diz que errou ao falar sobre saídas de atletas do São Paulo e pede desculpas

Cuca diz que errou ao falar sobre saídas de atletas do São Paulo e pede desculpas
Cuca: “Não percam a confiança, pois o resultado virá”. Foto: Erico Leonan/SPFC

O técnico Cuca pediu desculpas ontem (31) por ter falado sobre saídas de jogadores do São Paulo na última quarta-feira, após a eliminação para o Bahia na Copa do Brasil. Na ocasião, o treinador indicou uma reformulação no elenco. Agora, disse que errou ao comentar o assunto.

“Quanto à declaração que dei na Bahia após o jogo, foi uma tentativa de mostrar que há um planejamento que segue, mas reconheço que foi (dada) em momento errado, e de forma indireta. Sem querer acaba expondo algum jogador. Peço desculpas. Era no intuito de proteger, não de expor. Eu, mesmo experiente, errei. Às ve­zes, em coletiva, você é questionado e fala algo de ordem interna (…) Não citei nome e não vou citar aqui. Àquele que se sentiu ofendido peço desculpa”, disse Cuca, em entrevista coletiva concedida ontem.

Na última quarta-feira, o técnico havia indicado uma reformulação no elenco: “Quando se tem um grupo grande, com jogadores que praticamente sabem que vão sair, mas não de imediato, isso causa um efeito. Não é que essas pessoas que vão sair são más. Não são maus profissionais, mas foram escolhidos para diminuir a folha e também pela eliminação. Não vou dizer que a saída deles vai melhorar, mas com a saída deles e a chegada de outros tende a melhorar”.

Ontem, Cuca também falou sobre o protesto que a torcida realizará hoje pela manhã, enquanto o elenco fará o último treino antes de enfrentar o Cruzeiro. O técnico disse entender os torcedores, mas pediu apoio durante a partida de amanhã, às 16h, no Pacaembu. O São Paulo ocupa o quarto lugar no Brasileirão, com 11 pontos.

“O torcedor tem todo o direito (de protestar), mas não estamos de braços cruzados, vamos trabalhar. Não percam a confiança, pois o resultado virá”, afirmou Cuca.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*