Uncategorized

Corregedoria conclui inquérito sobre ação de policiais em Paraisópolis

A Corregedoria da Polícia Militar concluiu o Inquérito Policial Militar (IPM) que apurava a conduta dos policiais que participaram de uma ação em um baile funk em Paraisópolis, no dia 1º de dezembro do ano passado, e que resultou em nove mortes. A informação foi confirmada na noite de sexta-feira (7) pela Secretaria de Segurança Pública.

No entanto, a secretaria não informa a que conclusão chegou a Corregedoria sobre o fato, disse apenas que o inquérito corre sob segredo de Justiça, conforme o Código de Processo Militar. O documento foi agora encaminhado à Justiça Militar Estadual, que vai oferecer uma apreciação ao Ministério Público Estadual. Há um outro inquérito sobre o caso correndo no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Polícia Civil, que ainda segue sob investigação.

Na quinta-feira (6), em reunião no Ministério Público, familiares das vítimas cobraram mudanças e transparência no protocolo de atuação da Polícia Militar. “Temos a certeza absoluta de que os protocolos da polícia no dia 1º [de dezembro] foram quebrados. Se aquele foi um protocolo da polícia, então estamos em um estado de barbárie”, disse ontem Danylo Amilcar, irmão de Denys Henrique, uma das vítimas.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*