Copa do Brasil, Esportes

Corinthians joga por empate para avançar à semifinal da Copa do Brasil

Corinthians joga por empate para avançar à semi
Emerson Sheik e Romero, durante treino do Corinthians ontem, em Chapecó. Foto:

Das três competições que o Corinthians disputa neste momento, a Copa do Brasil desponta como aposta mais segura para alcançar o segundo título no ano. Hoje (15), às 21h45, em Chapecó, o time alvinegro joga pelo empate contra a Chapecoense para chegar à semifinal do mata-mata.

A vantagem foi conquistada no jogo de ida, quando os comandados de Osmar Loss venceram por 1 a 0. Se os catarinenses ganharem pela diferença mínima, a vaga se­rá decidida nos pênaltis.

Apesar de ter saído na frente nessa disputa, o Co­rinthians sofreu derrota para a própria Chapecoense, no domingo, pelo Brasileiro.

“Certamente a gente vai buscar impedir (a repetição do) que aconteceu na partida de domingo”, disse o técnico Osmar Loss. “Uma eliminação neste momento não passa pela nossa cabeça”, prosseguiu.

Depois de poupar titulares na última rodada do Brasileiro, o treinador vai com força máxima. A dúvida é o atacante Clayson, que sentiu incômodo na coxa esquerda.

Se Clayson não puder atuar, Marquinhos Gabriel e Mateus Vital são os substitutos naturais. Porém, existe a possibilidade de o centroavante Jonathas ser escalado no comando do ataque, empurrando Romero para a ponta.

PÊNALTIS

O técnico alvinegro pre­feriu se prevenir no treino de ontem. Após atividade tática, os jogadores praticaram cobranças de pênaltis.

“A gente tem de se precaver. Há o cuidado de dar a orientação e o treinamento, mas a ideia não é chegar nesse momento, que é tenso para todos”, afirmou o técnico.

Além de querer evitar a disputa por pênaltis, Loss também espera conquistar uma classificação tranquila, para evitar que a pressão da torcida cresça sobre ele.

A diretoria tem afirmado com certa frequência que manterá o técnico, independentemente de eventuais resultados ruins, mas Loss sabe que as cobranças da torcida podem mudar esse cenário.

“É natural que aumente a pressão”, disse o treinador, antes de ressaltar a importância da confiança da diretoria e também do elenco.

“Quando os jogadores não tiverem mais confiança em nossa forma de trabalho, não terei mais motivo para conti­nuar”, afirmou.

 

CHAPECOENSE X CORINTHIANS

Ár­bi­tro: Leandro Pedro Vuaden (RS). Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC), às 21h45. TV: Globo/Fox Sports.

CHAPECOENSE
Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas, Bruno Pacheco; Marcio Araújo, Amaral, Victor Andrade, Yann Rolim (Doffo), Diego Torres; Leandro Pereira. Técnico: Guto Ferreira.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Henrique, Danilo Avelar; Gabriel, Douglas, Jadson; Pedrinho, Romero, Clayson (Marquinhos Gabriel, ou Mateus Vital, ou Jonathas). Técnico: Osmar Loss.

 

Alvinegro barra a saída de Pedro Henrique e Mateus Vital

O Corinthians perdeu peças importantes após a Copa do Mundo, mas também barrou algumas saídas. Uma delas foi a do zagueiro Pedro Henrique, alvo do Torino, da Itália.

O clube europeu ofereceu cerca de € 4 milhões (cerca de R$ 17 milhões) pelo jogador de 22 anos, mas o Corinthians – que é dono de 60% dos direitos econômicos – recusou.

O presidente Andrés Sanchez e o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves afirmaram que também recusaram propostas por Henrique e Mateus Vital.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*