Brasileirão, Esportes

Corinthians derrota o Palmeiras e é tricampeão brasileiro feminino

Corinthians derrota o Palmeiras com facilidade e é tricampeão brasileiro feminino
Jogadoras do Corinthians comemoram o título do Brasileiro após a vitória sobre o Palmeiras. Foto: Marco Galvão/Agência Corinthians

O Corinthians conquistou o tricampeonato brasileiro feminino ao derrotar o Palmeiras por 3 a 1, neste domingo (26), na Neo Química Arena, em São Paulo. No jogo de ida, o time alvinegro já havia vencido o arquirrival por 1 a 0, no estádio Allianz Parque.

Esse é o segundo título consecutivo do Corinthians, que também levou o caneco em 2020 ao bater o Avaí Kindermann. O time alvinegro também foi campeão em 2018, levando a melhor sobre o Rio Preto na decisão. A equipe de Parque São Jorge fez campanha praticamente perfeita, com 18 vitórias, dois empates e apenas uma derrota.

O Corinthians dominou o primeiro tempo e abriu o placar logo aos 22 minutos. Adriana avançou em velocidade pela direita, passou como quis pela goleiro Jully e mandou para o meio da pequena área. Agustina tentou afastar, mas só conseguiu colocar o pé na bola e jogar contra o próprio gol.

O Palmeiras sofreu um baque e viu o Corinthians ampliar aos 32 minutos. Yasmim fez bela jogada pela esquerda e cruzou para Adriana soltar a bomba e fazer 2 a 0. O terceiro saiu aos 37 em bicicleta espetacular de Vic Albuquerque. Apesar da grande vantagem, o Corinthians não tirou o pé do acelerador e seguiu pressionando. O quarto só não saiu, pois o chute de Gabi Zanotti passou por cima do gol de Jully.

No segundo tempo, o jogo voltou a ficar equilibrado. O Corinthians, no entanto, continuou com a posse de bola e chegou a ter um gol anulado, marcado por Vic Albuquerque, que apareceu novamente na frente de Jully. Nada valeu.

Buscando diminuir, o Palmeiras foi com tudo para o ataque e marcou aos 28 minutos. Camilinha fez fila na defesa do Corinthians e acertou lindo chute. A bola bateu no travessão antes de ultrapassar a linha.

Nos minutos finais, o Corinthians só administrou a vantagem para confirmar o tricampeonato brasileiro. O Palmeiras ainda tentou esboçar uma pressão, mas não conseguiu impedir o título do rival.

CORINTHIANS 3 x 1 PALMEIRAS

Gols: Agustina, aos 23; Adriana, aos 32; e Vic Albuquerque, aos 37 minutos do primeiro tempo. Camilinha, aos 29 minutos da segunda etapa. Árbitra: Edina Alves Batista (Fifa-SP). Estádio: Neo Química Arena, em São Paulo (SP).

CORINTHIANS

Kamelli; Katiuscia, Giovanna Campiolo, Érika e Yasmin (Juliete); Infryd (Diany), Gabi Zanotti (Grazi), Gabi Portilho (Miriã), Tamires e Vic Albuquerque (Jheniffer); Adriana. Técnico: Arthur Elias.

PALMEIRAS

Jully; Bruna Calderan (Rafa Andrade), Thais, Agustina Barroso e Camilinha; Júlia Bianchi, Tainara (Duda Santos), Ary Borges e Katrine (Ottilia); Maria Alves e Carol Baiana. Técnico: Ricardo Belli.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe eu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*