Esportes, Paulistão

Contra o Guarani, Corinthians tenta quebrar jejum como visitante

Corinthians visita Guarani e tenta quebrar jejum como visitante
Corinthians treinou, ontem, no CT Joaquim Grava. Foto: Daniel-Augusto-Jr-Agencia-Corinthians

Faz tempo que o Corinthians não sabe o que é vencer uma partida fora de casa. Nesta quarta-feira (23), quando o time vai encarar o Guarani, às 19h15, em Campinas, completam-se exatos 160 dias desde a última vitória da equipe longe de Itaquera. Foram 12 partidas no período, com nove derrotas e três empates.

A última vitória foi a obtida contra a Chapecoense, em 15 de agosto, pela Copa do Brasil.

Como visitante em 2018, 0 Corinthians obteve 33,3% de aproveitamento, o pior rendimento do time fora de casa nos últimos dez anos.

O desempenho no Campeonato Brasileiro foi o principal responsável pela marca negativa. Em 19 rodadas como visitante, o Corinthians venceu duas vezes, empatou três e perdeu 14 partidas. Aproveitamento de 15%, bem abaixo dos 52% registrados no Paulista de 2018, quando foi campeão.

Apesar de ter afirmado, após o empate contra o São Caetano, não ter intenção de mudar a equipe, o técnico Fabio Carille vai escalar Léo Santos na zaga no lugar de Marllon contra o Guarani, enquanto a diretoria ainda busca reforços.

O presidente Andrés Sanchez afirmou nesta terça-feira que fez proposta para contratar o atacante Romarinho, que jogou no Corinthians entre 2012 e 2014.

 

GUARANI X CORINTHIANS

Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias. Estádio: Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, às 19h15. TV: pay-per-view.

GUARANI
Giovanni; Lenon, Ferreira, Diego Giaretta, William Matheus; Fernandes, Ricardinho, Felipe Amorim, Lucas Crispim, Inácio; Diego Cardoso (Anselmo Ramon ou Fernando Viana). Técnico: Osmar Loss.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique, Danilo Avelar; Richard, Ramiro, André Luis, Jadson, Sornoza; Gustagol. Técnico: Fábio Carille.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*