Minha Cidade, Regional, Sua região

Consórcio Intermunicipal do ABC inaugura ‘Centro de Treinamento na Preservação da Vida – Método Giraldi’

Consórcio inaugura 'Centro de Treinamento na Preservação da Vida – Método Giraldi'
Durante o evento, os GCMs fizeram uma demonstração de tiro policial defensivo pelo Método Giraldi, na pista de treinamento, com alvos fixos e móveis. Foto: Divulgação/Consórcio

O Centro Regional de Formação em Segurança Urbana (CRFSU), mantido pelo Consórcio Intermunicipal do ABC, inaugurou nesta quarta-feira (21) o Centro de Treinamento na Preservação da Vida – Método Giraldi, que será utilizado para treinamento e capacitação dos Guardas Civis Municipais (GCMs) da região.

Durante o evento, os GCMs fizeram uma demonstração de tiro policial defensivo pelo Método Giraldi, na pista de treinamento, com alvos fixos, móveis e até mesmo em um cenário que representava uma abordagem policial com sucesso em uma favela. A Pista de Tiro de São Bernardo é homologada pelo Exército Brasileiro.

Para o prefeito de São Bernardo e presidente do Consórcio, Orlando Morando (PSDB), a entidade, mais uma vez, sai na frente nas demandas regionais. “Os agentes de segurança devem estar capacitados para proteger suas próprias vidas e da população. A GCM cumpre um papel importante em toda a região, muitas vezes com efetivo superior ao da PM, como é o caso de São Bernardo. Por esse volume e por sua importância, não faz sentido não capacitar esses profissionais da melhor forma possível. O Consórcio cumpre de maneira muito correta essa demanda. Além do compromisso em aumentar a segurança urbana, há a preocupação com a otimização dos recursos públicos, por meio deste equipamento que vai atender a todas as cidades consorciadas de forma unificada”, destacou.

O Coronel Carlos Alberto dos Santos, secretário de Segurança Pública de São Bernardo e coordenador do GT Segurança Pública do Consórcio, se mostrou otimista com o local de treinamento. “A utilização do Método Giraldi pelos nossos GCMs é a confirmação de que eles estarão bem treinados e atuando com o que existe de mais moderno em termos de armamento, Os GCMs precisam estar municiados com o que de mais moderno em termos de armamento e técnicas de tiro”, destacou.

Segundo  Carlos Alberto, nos próximos meses acontecerá um curso de formação de professores do método, que serão os multiplicadores para a formação dos GCMs.  O coronel rejeita a tese de gastos com a pista de tiro e a renovação do armamento. “Isso é investimento. Gastos nós temos quando um PM ou um CGM, por conta de erro de procedimento, perde a vida ou a sua mobilidade”, destacou.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*