Últimas Notícias

Consórcio ABC inicia nova fase da divulgação da plataforma digital COVIData

O Consórcio Intermunicipal ABC iniciou nesta quarta-feira (22) nova fase da campanha para divulgação da ferramenta COVIData, desenvolvida pela Universidade Federal do ABC (UFABC) para acompanhar o andamento da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) na região. Nesta nova etapa, banners explicativos sobre a plataforma digital são instalados em pontos estratégicos dos municípios.
 
Os materiais de divulgação, que estavam expostos desde maio nas estações da Linha 10 – Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) localizadas na região, estão disponíveis em locais de grande circulação de Rio Grande da Serra. O objetivo da iniciativa é estimular a população a realizar a triagem para detectar a doença sem a necessidade de comparecer às unidades de saúde.
 
As peças destacam que, ao apresentar sintomas como tosse, febre alta, falta de ar e dor no peito, as pessoas podem fazer sua triagem virtual por meio do COVIData. Os banners apresentam o endereço eletrônico da ferramenta (covidata.ufabc.edu.br) e um QR Code, que permite o acesso por meio da aproximação da câmera do celular ao código.
 
A ferramenta classifica, por meio de um questionário, casos suspeitos e não suspeitos de Covid-19. As informações coletadas incluem sintomas de saúde do cidadão e sua localização. O questionário é enviado para a Secretaria de Saúde de Rio Grande da Serra, que promoverá o contato e o monitoramento. Se necessário, o paciente será conduzido para uma unidade de saúde para realizar a testagem.
 
O presidente do Consórcio ABC e prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, ressaltou que o aumento da divulgação da plataforma, em pontos estratégicos dos municípios, contribui para aumentar a eficiência das ações das equipes de saúde locais.
 
“As pessoas que tiverem sintomas como febre, tosse, falta de ar ou dor de cabeça, e acharem que possam estar contaminados pelo novo coronavírus, devem preencher o questionário do COVIData. Todas as informações serão verificadas e, se procedem, a Secretária Municipal de Saúde vai entrar em contato para fazer o teste”, explicou Maranhão.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*