Esportes, Futebol

Conmebol anuncia final da Libertadores de 2019 com jogo único e campo neutro

A Conmebol anunciou ontem (23) que a final da Copa Libertadores de 2019 será decidida em jogo único. O jogo acontecerá em um estádio definido por antecipação e deverá ser marcado para um sábado.

A decisão foi divulgada após reunião do Conselho da Conmebol realizada ontem no Uruguai. De acordo com a entidade, as mudanças foram aprovadas por unanimidade.

“A partir de 2019, a Copa Conmebol Libertadores será decidida em uma apaixonante final única, transmitida em horário nobre a partir de um estádio escolhido antecipadamente. Será um grande evento esportivo, cultural e turístico”, disse Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol.

A entidade máxima do futebol sul-americano afirma que a decisão foi tomada após “rigorosa análise de diversos estudos técnicos preparados por consultores especializados”. Entre as variáveis que forma analisadas, a proposta analisou a possibilidade de uma disputa justa, a qualidade da competição, a emoção do espetáculo, a organização, a segurança do evento, a experiência das torcidas, a infraestrutura do continente e a venda de direitos de transmissão.

Os prêmios financeiros dos participantes da Libertadores de 2019 ainda não foram definidos. No entanto, o Conselho da Conmebol já definiu que cada finalista receberá US$2 milhões a mais do que os finalistas de 2018 -na edição atual, o campeão fatura US$ 6 milhões, enquanto o vice-campeão leva US$ 3 milhões. A partir de 2019, os finalistas também não terão despesas com a organização da partida decisiva.

“Esta decisão obedece ao objetivo estratégico de potencializar o desenvolvimento esportivo do futebol sul-americano mediante maiores recursos, mais investimentos e melhores padrões em todo nível. Além de gerar mais ingressos para reinvestir no desenvolvimento esportivo, a final única será uma grande oportunidade para que a América do Sul dê grande salto em infraestrutura esportiva, organização de eventos, controles de segurança, comodidade e atenção nos estádios, e na promoção regional e mundial de nossos torneios, clubes e jogadores”, afirmou ainda o presidente Domínguez.

Nas redes sociais, o dirigente afirmou que “não há sede definida” para a final de 2019. Porém, Lima (Peru) é candidata forte entre os cartolas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*