Minha Cidade, São Caetano do Sul, Sua região

Com sommeliers no fim da fila, recusa por vacina contra a covid-19 cai para zero em São Caetano

A estratégia da Prefeitura de São Caetano de colocar no fim da fila de imunização as pessoas que escolhem qual vacina tomar contra a covid-19 tem dado resultado mais que satisfatório. Nesta semana, nenhum morador se recusou a tomar as doses disponíveis nos drives thrus de vacinação, independentemente do fabricante.

A medida entrou em vigor na sexta-feira (2). Na data, quatro pessoas se recusaram a tomar as doses por conta do laboratório de origem do imunizante e assinaram o termo de ciência de que só poderão se vacinar após toda a população adulta receber a primeira dose (o que está previsto para setembro), e sem qualquer garantia de que terá a vacina de sua preferência disponível.

No dia seguinte (3), outras oito pessoas assinaram o termo. Na segunda e na terça-feira (5 e 6/7), no entanto, nenhum morador recusou as doses. Antes da criação da estratégia foram registradas 635 recusas – a escolha do imunizante por parte da população se intensificou com as chegadas das vacinas da Janssen e da Pfizer.

A Prefeitura decidiu implantar o termo de ciência para impedir que os chamados ‘sommeliers de vacina’ travem o bom andamento da vacinação na cidade. Quem recusa as doses coloca a própria vida e a de todos a sua volta em risco. Uma ameaça à imunização coletiva, a única forma de combate efetivo à covid-19.

“Não há vacina melhor ou pior. Todos os imunizantes autorizados pela Anvisa são seguros e com eficácia muito semelhante. Não justificando, portanto, qualquer diferenciação”, ressalta o prefeito Tite Campanella. “Com a implantação do termo de ciência, estamos conseguindo conscientizar a nossa população sobre isso.”

Dentro da estratégia para impedir que a população escolha a vacina e trave o bom andamento da imunização na cidade, a Prefeitura também deixou de informar antecipadamente a origem do imunizante a ser aplicado em cada grupo. Desde a semana passada, as pessoas só tomam conhecimento de qual vacina está disponível no local da aplicação.

Cidade que mais vacina contra a covid-19 na Grande São Paulo, São Caetano tem 53% dos moradores vacinados com a primeira dose (66% da população adulta) e 23% com a imunização completa (28% dos adultos).

Print Friendly, PDF & Email

Deixe eu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*