Brasileirão, Esportes

Com retorno de Guerra e boa fase de Hyoran, Lucas Lima volta a ter titularidade ameaçada

Com retorno de Guerra e boa fase de Hyoran, Lucas Lima volta a ter titularidade ameaçada
Lucas Lima ficou devendo futebol na Arena da Baixada. Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras

O meia Lucas Lima tem ganhado sobrevida no time titular do Palmeiras. Após quase perder a posição para o venezuelano Guerra e, depois, para Moisés, o ex-santista chegou a ser sacado na última partida da equipe.

A nova lesão sofrida por Moisés, contudo, fez com que Lucas fosse usado no jogo diante do Atlético-PR.

Mais uma vez, o meia ficou devendo e destoou do bom futebol do alviverde, que venceu por 3 a 1. Os altos e baixos vividos por Lucas Lima podem fazer com que a disputa pela meia fique mais acirrada.

Guerra, que estava com problema no quadril, voltou a ficar à disposição da comissão técnica alviverde, mas a falta de ritmo de jogo do camisa 18 pode atrapalhá-lo nesta disputa.

Se quiser ousar, Roger Machado pode experimentar o jovem Hyoran, que tem surpreendido nesta posição. Originalmente, o atleta, de 24 anos, atua pelo meio. Com Roger, Hyoran tem sido usado mais pelas beiradas.

Na vitória sobre o Furacão, o jogador mostrou que pode servir os companheiros. No terceiro gol, foi dele o passe para Willian marcar.

Embora tenham feito menos jogos, Hyoran e Guerra vão melhor do que Lucas Lima em assistências. Em três jogos, Hyoran deu um passe para gol. Guerra tem 12 partidas e quatro assistências. Ambos têm média de 0,33. Lucas soma 24 jogos e seis assistências, média de 0,25.

Moisés teve lesão muscular confirmada e desfalcará o Palmeiras de quatro a seis semanas.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*