Esportes, Futebol

Com mais de R$ 120 milhões em vendas, Corinthians volta a ter salários atrasados

Jogadores não receberam os salários de outubro. Foto: Agência CorinthiansEm meio à crise técnica da equipe, que vacilou novamente na última quarta-feira (16) ao empatar com o Figueirense (1 a 1), fora de casa, o Corinthians também tem enfrentado novamente problemas financeiros. Os salários de outubro estão atrasados.

Jogadores do time profissional e das categorias de base, além dos funcionários do clube, deveriam ter sido remunerados até o último dia 10, mas até agora não viram o dinheiro. A última previsão da diretoria era de que os valores seriam acertados na segunda passada, o que não ocorreu.

Nesta temporada, o Corinthians se desfez de 20 jogadores ao longo do ano e arrecadou mais de R$ 125 milhões brutos com as transações, algumas de forma parcelada.

Por meio de nota, o Corinthians explicou o motivo do atraso. “Em razão do não recebimento de créditos que já deveriam ter sido pagos, houve descompasso no fluxo de caixa. Essa situação já está sendo devidamente solucionada e o pagamento será efetuado nos próximos dias”, afirma um trecho do comunicado.

Sem Libertadores

Se a situação financeira deste ano já não é boa, a do ano que vem poderá ser ainda pior se o time não conseguir se classificar para a Copa Libertadores, já que o torneio sul-americano garante ao clube um excelente retorno, com cotas de TV e premiações, além da verbas de patrocinadores.

É justamente por essa necessidade que o empate com gosto de derrota diante do Figueirense foi tão lamentado pelos jogadores e deixou a torcida frustrada com o time.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*