Esportes, Paulistão

Com Água Santa incluído, FPF define grupos do Paulistão 2020

Com Água Santa incluído, FPF define grupos do Paulistão 2020
Netuno terá Santos, Ponte Preta e Oeste como adversários no Grupo A; Ramalhão medirá forças com Palmeiras, Novorizontino e Botafogo no B. Foto: Alexandre Battibugli/FPF

Conselho Técnico realizado na manhã desta terça-feira (22), na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), confirmou a participação do Água Santa na elite do Estadual em 2020 e definiu os grupos da primeira fase, estabelecidos por sorteio. Além do Netuno, o Santo André será o outro representante do ABC na competição.

O Água Santa caiu no Grupo A e terá como adversários Santos, Ponte Preta e Oeste, enquanto o Ramalhão está no B, juntamente com Palmeiras, Novorizontino e Botafogo. O São Paulo é cabeça de chave do Grupo C, que reúne Ituano, Mirassol e Internacional. Por fim, o D tem Corinthians, Ferroviária, Guarani e Bragantino.

Terceiro colocado na Série A2 deste ano, o Netuno conseguiu o acesso devido ao acordo anunciado em março entre Red Bull Brasil e Bragantino, que passaram a ser controlados pelo mesmo grupo empresarial. Com isso, ambos não podem atuar no mesma divisão e, assim, a equipe de Campinas caiu para a Série A2.

Será a segunda participação do Netuno na elite – a primeira ocorreu em 2016, mas a equipe acabou rebaixada no mesmo ano. A confiança do Água Santa no acesso era tamanha que, em abril, antes mesmo do final da Série A2, o clube iniciou reforma no estádio do Inamar, com a demolição da arquibancada do gol de fundo – que foi erguida em 2016, mas nunca usada, por conta de problemas estrutu­rais – e a cons­trução de outra.

O objetivo era elevar a capaci­dade do estádio de 8 mil para 10 mil torcedores, mínimo exigido pela federação para disputar a elite estadual.

REGULAMENTO

A competição terá fórmula de disputa parecida com as últimos anos, com quatro grupos de quatro times na fase inicial. As equipes de uma chave enfrentarão os times das demais em turno único, totalizando 12 partidas. Os dois primeiros avançarão para os mata-matas.

A diferença em relação à edição deste ano é que somente a decisão será disputada em jogos de ida e volta. O motivo é que o Paulistão de 2020 terá 16 datas, duas a menos do que em 2019, para evitar jogos na data Fifa de março. Com isso, quartas de final e semifinais serão realizadas em jogo único, diferentemente da decisão.

O árbitro de vídeo (VAR) será utilizado somente nos mata-matas, com o custo bancado pela FPF.

Atual tricampeão paulista, o Corinthians vai buscar o quarto título consecutivo do torneio, que começará em 22 de janeiro e será encerrado em 26 de abril.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*