Esportes, Futebol

Ceni quer a volta de Cícero, com quem trabalhou em 2011 e 2012

Na busca por um volante alto, o técnico Rogério Ceni encontra em um companheiro do passado uma opção ideal para seu meio de campo no ano que vem.

Cícero, de 32 anos, está no Fluminense (com contrato até o fim de 2018) e jogou no São Paulo em 2011 e 2012. Em 92 jogos marcou 16 gols.

Por isso, o hoje treinador viu nele características de que precisa: um jogador inteligente, rápido, com boa saída de bola, que se apresenta no ataque e com um chute forte de fora da área.

Além disso, Cícero não atua apenas como volante. Foi deslocado mais para frente como meia, já teve experiência como atacante e até atrás, como zagueiro.

Cícero se encaixa na procura de Ceni por um meio-campista com estatura elevada. O jogador mede 1,83 m, a mesma altura de João Schmidt, o mais alto do atual elenco são-paulino.

O entrave, em princípio, é o salário. O jogador ganha cerca de R$ 400 mil mensais no Fluminense, o que superaria o teto adotado no São Paulo (R$ 350 mil). Uma saída estudada seria a divisão dos custos, que ajudaria a aliviar o cofre dos cariocas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*