Últimas Notícias

CCZ de Diadema consegue lar para mais de 80% dos animais levados para Feira de Adoção

Em menos de uma semana, a rotina da enfermeira Raffaella Zanetty de Oliveira ficou mais alegre e divertida com a chegada do cãozinho Tobby de apenas três meses. Ela é uma das 30 pessoas que visitaram a Feira de Adoção de Cães e Gatos no último sábado (29/6) e saíram de lá com um novo amigo de quatro patas. O evento foi promovido pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Diadema em parceria com o Shopping Praça da Moça.

Para a adoção, a Prefeitura levou 36 animais. Desses, 24 cães e seis gatos conquistaram um novo lar, o que representa 83% dos animais adotados. Para Rafaella, é preciso ter paciência e carinho nessa fase de adaptação. “Como ele é filhote, chora muito à noite, sentindo falta dos outros cachorrinhos que o acompanhavam na feira. Mas eu recomendo a adoção, com certeza”, ressaltou.

Conversar com os demais membros da residência, antes de tomar a decisão, é importante para que o processo seja positivo para todos. “Resolvi adotar porque muitos filhotes por aí não são adotados por não serem de raça. Foi uma decisão minha e da minha mãe, porque o cachorro fica mais com ela. Acho que todos os cuidados são importantes, mas alimentação e saúde são primordiais, dando carinho e atenção”, afirmou a auxiliar administrativa, Cristina de Sousa Amorim, que adotou Thor, um cãozinho de três meses.

Abandono

A médica veterinária e coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses do município, Carla Cruz, explica que esse momento de férias escolares é o período em que mais animais são abandonados. “Infelizmente, quando os proprietários vão viajar em épocas de férias escolares, jogam ou deixam seus animais na rua, como se fossem objetos. É uma triste realidade”, afirma.

A adoção também é possível no próprio CCZ, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. Para isso, basta apresentar documento com foto, comprovante de endereço e preencher um cadastro. Antes de efetivar a posse, a pessoa que deseja adotar recebe orientações sobre posse responsável e assina um termo de responsabilidade. “É importante que quem adote saiba que está levando uma vida para casa, que precisa de cuidados, carinho e atenção, além de gerar gastos com vacinas e alimentação. O animal também fará bem para saúde, diminuindo o estresse das pessoas e melhorando o emocional de toda a família”, explica Cruz.

Em 2019, o CCZ de Diadema promoveu três feiras de adoção e conseguiu lar para 120 cachorros e gatos. Quando o animal tem mais de quatro meses, é realizada a castração e a vacinação contra a raiva.

Serviço:

Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Diadema

Rua Ipoá, 40 – Inamar

Tel.: 0800 77 10 963

Horário de atendimento: Segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*