Uncategorized

Braskem realiza simulado de segurança em Ribeirão Pires

Maior petroquímica das Américas, a Braskem promoveu, esta semana, um treinamento de segurança em Ribeirão Pires. Liderada pela equipe de Saúde, Segurança e Meio Ambiente (SSMA) da companhia, a ação contou com o apoio do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil, além de a cooperação de moradores da comunidade Vila Marquesa.

Na região passa um duto de eteno, matéria-prima gasosa produzida em uma das unidades da Braskem no Polo Petroquímico do ABC e transportada até a fábrica da companhia na região da Baixada Santista, além de abastecer outras empresas locais. O Etenoduto possui 55 km de extensão, passando pelos municípios de Santo André, Mauá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Bernardo do Campo e Cubatão. Para garantir a segurança local, a Braskem monitora on-line, direto da sala de controle da fábrica em Santo André, as indicações de pressão e vazão no duto durante a operação de transporte de eteno. A companhia possui ainda uma equipe de 14 pessoas que percorrem a pé o trecho do duto diariamente para fiscalização.

Segundo Luiz Sarno, engenheiro de segurança da Braskem, o exercício simulou o vazamento de eteno causado por uma perfuração acidental feita no duto durante uma obra. “O objetivo da ação é treinar e avaliar nossa equipe de brigadistas no atendimento a situações de emergências externas, além da interação com as demais instituições envolvidas, tanto na retirada dos moradores da área afetada e resgate de vítimas, como no combate à ocorrência. Com as observações feitas durante o simulado poderemos aprimorar nossas práticas”, afirma.

Moradora da região há 35 anos, Maria da Conceição Leal, conhecida como Dody, lidera a Associação Amigos da Vila Marquesa e conta que sabia que o duto passava pelo bairro, mas não tinha mais informações sobre o que era transportado ou normas de segurança. “Ficamos muito satisfeitos com o treinamento. A equipe da Braskem esteve aqui para explicar a importância do material transportado e se colocou à disposição para tirar nossas dúvidas. O envolvimento deles conosco foi excelente, nos deixando mais seguros e atentos para fiscalizar e informar outros moradores”, conta.

 Flávio Chantre, gerente de Relações Institucionais da companhia, explica que a atuação da Braskem é baseada no desenvolvimento sustentável, tendo como premissas a segurança de integrantes e comunidades onde está inserida. “Realizamos uma série de treinamentos de segurança ao longo do ano, com diferentes níveis de dificuldade e impactando diferentes públicos, garantindo assim que todos estarão preparados para eventuais situações de emergência. Todos os anos, realizamos um simulado com uma das comunidades por onde o Etenoduto passa, assim conseguimos nos aproximar dos moradores e sanar possíveis dúvidas. Para nós, essa sinergia entre empresa, instituições e comunidade é de extrema relevância”, pontua.

Para garantir um canal com a comunidade, a empresa disponibiliza um telefone para esclarecer possíveis dúvidas, obter informações ou acionar a companhia em casos de emergência. Disponível 24 horas, todos os dias da semana, o telefone é 0800 161 647.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*