Esportes, Futebol

Brasil tenta confirmar vaga em tempo recorde

Renato Augusto e Neymar são dois “paulistas” da seleção. Foto: Pedro Martins/MoWA PressDona da melhor campanha das Eliminatórias Sul-americanas para a Copa, a seleção brasileira está próxima de estabelecer no­vo recorde hoje (28).

Com sete vitórias seguidas, o time comandado por Tite vai garantir a classificação para o Mundial da Rússia com cinco rodadas de antecedência se vencer o Paraguai na Arena Corinthians, às 21h45, e houver uma combinação de resultados dos rivais sul-americanos.

Desde que o torneio continental começou a ser disputado por pontos corridos, nenhuma equipe conseguiu confirmar a vaga com tanta antecedência. A classificação mais precoce foi da Argentina, que obteve a vaga para o Mundial de 2002 faltando três rodadas para o final.

A classificação do Brasil com maior antecipação foi para o Mundial de 2010. Em setembro de 2009, o time de Dunga confirmou a vaga ao vencer a Argentina por 3 a 1. Faltavam duas rodadas para o fim da classificatória.

Caso confirme o feito em São Paulo, a seleção também será a primeira a conquistar no campo a vaga no Mundial da Rússia. Nas últimas edições das Eliminatórias, representantes da Ásia ou da Europa garantiram a presença no torneio antes. Nas últimas três vezes, o Japão foi o primeiro.

O Brasil precisa vencer e torcer por derrotas de Equador e Chile para confirmar a presença na Copa com cinco rodadas de antecedência.

Hoje, os chilenos enfrentam a Venezuela, em Santiago, enquanto o Equador joga contra a Colômbia, em Quito.

“Temos de procurar fazer um grande jogo, independentemente da pontuação ou de confirmar a classificação”, disse Fagner, única novidade no time. O lateral substitui Daniel Alves, suspenso.

O jogo no Itaquerão lotado contará em campo com uma seleção formada em sua maioria por atletas que começaram a despontar no futebol paulista, como Neymar, Miranda, Casemiro, Marquinhos, Paulinho e Fagner.

Tite ainda vai colocar em campo o meia Renato Augusto, revelado no Flamengo, mas que resgatou o bom futebol no Corinthians com o técnico.

“Estou em casa. Morei cinco anos da minha vida aqui. O centro de treinamento da base era no mesmo lugar do estádio. Tenho boas recordações e fico feliz por voltar”, afirmou o zagueiro Marquinhos, do PSG.

Dos titulares, que vão enfrentar o Paraguai, só Alisson, Philippe Coutinho, Marcelo e Firmino não vestiram a camisa de um clube do Estado.

Sequência

No banco, o goleiro Weverton e o meia Willian, que começaram na base do Corinthians; o zagueiro Gil e o ex-santista Diego fecham a relação de “paulistas”. Desde que Tite assumiu, o time venceu oito jogos consecutivos, sendo sete nas Eliminatórias.

Se continuar com 100% de aproveitamento, a seleção fará a melhor campanha da história das Eliminatórias do continente. No torneio para o Mundial de 2002, a Argentina fez 43 pontos. A equipe nacional soma 30 pontos e pode chegar a 45.

Na última quinta-feira (23), o Brasil goleou o Uruguai, por 4 a 1, no Centenário de Montevidéu.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*