Últimas Notícias

Brasil tem acúmulo de 85.746 mil pedidos de refúgio em espera

Por Patrícia Campos Melo 

O Brasil é o sexto país em acúmulo de pedidos de refúgio acumulados: 85.746.

O Conare, órgão do governo encarregado da questão, não tem conseguido dar fluxo ao processo. Com isso, o número de refugiados reconhecidos no país passou de 9.689 para 10.264 em um ano. Ou seja, apenas 575 pessoas conseguiram ter o status reconhecido.

Já o número de pessoas que aguardam resultado de seu processo passou de 35.464 para 85.746. Como comparação, a Turquia, que recebeu 3,5 milhões, tem 308 mil casos parados, ou 8,8%.

Porém, o Brasil acolhe grande número de pessoas sob a rubrica “outras pessoas dentro do escopo do Acnur”, que são aqueles que pedem residência temporária por dois anos justamente porque o processo de refúgio moroso. De 22.930 em 2016, passaram a 52.341.

No ano passado, o Brasil ampliou o acordo de residência do Mercosul a cidadãos de países não fronteiriços – o que beneficia os venezuelanos.

O acordo permite residência temporária por até dois anos. Desde 2015, 166 mil venezuelanos pediram refúgio em vários países, e mais de 500 mil obtiveram alguma proteção.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*