Esportes, Futebol

Borja evolui e deve pegar o Corinthians; Dracena e Moisés podem ser relacionados

Em recuperação de dores no joelho direito, o atacante Miguel Borja foi a campo, ontem (20), mas treinou separadamente do resto do grupo do Palmeiras. Supervisionado pe­lo preparador físico Marco Aurélio Schiavo, o colombiano correu e bateu bola.

Durante o trabalho, Borja não aparentou qualquer tipo de limitação. A expectativa é de que o jogador atue no clássico contra o Corinthians, no sábado, no Itaquerão.
Borja é o artilheiro do Palmeiras na temporada, com cinco gols em sete partidas.

Caso não atue, a tendência é que Willian siga na posição. No único jogo em que atuou como centroavante em 2018, o Bigode passou em branco. Foi o empate sem gols contra a Ponte, em Campinas.

No ano passado, contudo, Willian foi bem na função. O jogador terminou a temporada de 2017 como artilheiro da equipe, com 17 gols.

O Palmeiras teve outras novidades no treino de ontem, na Academia. O zagueiro Edu Dracena e o meio-campista Moisés trabalharam normalmente com o grupo.

A dupla recebe atenção especial da comissão técnica e, por isso, faz pré-temporada mais longa, a fim de evitar lesões durante o ano.

Moisés chegou a jogar 20 minutos da partida contra o Bragantino, pela quarta rodada. Depois, voltou a se dedicar à parte física.

Caso respondam bem à carga de treinos durante a semana, ambos devem ser novidade na lista de relacionados para o clássico.

O lateral esquerdo Diogo Barbosa fez trabalho especial. Calçando tênis, o jogador trabalhou separadamente do restante do grupo. É o final de sua transição do departamento físico pa­ra o campo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*