Esportes, Futebol

Baptista define posições e acirra a disputa por vagas no Palmeiras

Aos poucos o técnico Eduardo Baptista vai dando sua cara ao Palmeiras. Após promover alguns treinamentos para instruir seus jogadores sobre o novo esquema que pretende adotar, o 4-1-4-1, o comandante começou a definir em qual setor cada atleta deverá ser usado no ano.

Na atividade da manhã de ontem (16), na Academia de Futebol, o chefe separou os jogadores de acordo com as posições onde vão jogar.

Os volantes testados, um de cada vez, foram Felipe Melo, Arouca e Rodrigo.

Thiago Santos ficou do outro lado do campo, com os homens de defesa e os garotos das divisões de base, embora também deva brigar por vaga nesse setor.

Quem atuar ali ficará encarregado pelo primeiro toque na bola e será responsável pela transição das jogadas da defesa ao ataque.
Baptista também definiu a linha de quatro do sistema, onde a briga deve ser maior.

Na meia direita, ficaram Tchê Tchê e Vitinho. Pela esquerda, onde teoricamente Moisés deve disputar vaga- o novo camisa 10 fez reforço muscular – foram colocados Michel Bastos e Raphael Veiga.

Pela ponta esquerda, Dudu, Keno e Rafael Marques são os atletas que brigarão por posição. Do outro lado do campo, os escolhidos de Baptista foram Róger Guedes, Erik e Hyoran.

Mais avançados, Alecsandro e Barrios disputam a vaga de centroavante.

Sem Guerra e Willian

Vale ressaltar, no entanto, que a atividade de ontem não contou com o meia Alejandro Guerra e o atacante Willian. Ambos fo­ram liberados para resolver problemas particulares.

O meia venezuelano pode atuar em qualquer lugar da linha de quatro do meio ou como falso 9. O ex-cruzeirense gosta de atuar mais aberto pela esquerda, embora possa brigar por posição com Barrios e Alecgol.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*