Política-ABC, São Bernardo do Campo

Auricchio vence em São Caetano, mas pode não assumir mandato em 2021

Auricchio vence em São Caetano, mas pode não assumir mandato em 2021
Auricchio recebeu 42.842 votos, que só serão computados se tucano reverter derrota na Justiça. Foto: Arquivo

O prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), venceu a eleição disputada neste domingo (15) para o Palácio da Cerâmica, mas pode não assumir o mandato em 2021. O tucano, que já foi eleito outras três vezes para o cargo (em 2004, 2008 e 2016, as duas primeiras pelo PTB), teve a candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral.

Auricchio foi diagnosticado com covid-19 na terça-feira (13) . Em função da piora no quadro clínico foi internado neste domingo no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde soube do resultado das eleições.

Auricchio foi condenado em duas instâncias com base na Lei da Ficha Limpa, por receber doações irregulares no pleito de 2016, e recorreu ao Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). Assim, a validação de seus votos está condicionada ao even­tual deferimento do registro em instâncias superiores.

O tucano recebeu 42.842 votos, ou 45,2% do total. O segundo colocado foi Fabio Palácio (PSD), com 30.404 (32,1%). Na sequência aparecem Mario Bohm (Novo), com 9,1%; Thiago Tortorello (PRTB), com 5,9%; Horacio Neto (PSOL), com 4,3%; João Moraes (PT), com 1,8%; Casonato (Rede), com 1%, e Nilson Bonome (PSL), com 0,4%.

A disputa ainda teve 4.261 votos brancos (3,96%) e 8.680 nulos (8,07%). Não compareceram às urnas 34.963 eleitores (24,5%).

Caso confirme a votação obtida neste domingo, Auricchio se tornará o primeiro político do ABC a vencer quatro eleições majoritárias. Seu feito, no entanto, poderá ser repetido por José de Filippi Júnior (PT), que disputará o 2º turno em Diadema contra Taka Yamauchi (PSD).

Confira os vereadores eleitos:

Professor Pio Mielo (PSDB) – 3.008 votos

Marcel Munhoz (Cidadania) – 2.540 votos

Bruna Mulheres Por Direitos (PSOL) – 2.101 votos

Ubiratan Figueiredo da ONG (PSD) – 1.987 votos

Cesar Oliva (PSD) – 1.876 votos

Gilberto Costa (Avante) – 1.767 votos

Tite Campanella (Cidadania) – 1.678 votos

Dr. Marcos Fontes (PSDB) – 1.607 votos

Professor Ródnei (Cidadania) – 1.450 votos

Caio Salgado (PL) – 1.445 votos

Matheus Gianello (PL) – 1.394 votos

Fabio Soares (PSDB) – 1.370 votos

Daniel Córdoba (PSDB) – 1.355 votos

Suely Nogueira (Podemos) – 1.309 votos

Cicinho (PL) – 1.177 votos

Parra (Podemos) – 1.160 votos

Américo Scucuglia (PTB) – 1.093 votos

Professor Jander Lira (DEM) – 921 votos

Thai Spinello (Novo) – 835 votos

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*