Política-ABC, São Caetano do Sul, Sua região

Auricchio busca recursos para honrar folha

Auricchio: desafio de fazer 15 folhas da educação. Foto: Eberly LaurindoO prefeito de São Caetano, José Auricchio Junior (PSDB), afirmou ontem (9) que está em busca de recursos extraordinários para honrar o pagamento dos salários dos servidores públicos referentes a dezembro e que devem ser depositados neste mês. De acordo com o tucano, além de “não haver caixa” na prefeitura, a proibição das férias dos servidores da Educação, imposta pelo ex-prefeito Paulo Pinheiro (PMDB) como manobra para postergar o pagamento do abono previsto em lei, prejudicou ainda mais as finanças municipais.

“Tivemos esse impasse com a folha de pagamento da Educação relativa às férias de 2016, que foi um grande empecilho e que ficou da administração passada sem nenhuma reserva de caixa para isso”, disse o prefeito.

Na semana passada, a atual gestão já havia autorizado as férias da categoria e garantido o pagamento do bônus. O governo, porém, informou que ainda estuda a melhor maneira para efetuar o pagamento “sem prejudicar as contas públicas”.

“Há entraves de todas as ordens. Estamos conseguindo resolver agora as férias da Educação relativas ao exercício do ano passado, que acumulou quase R$ 18 milhões. Nosso desafio será fazer 15 folhas de pagamentos da Educação: as 12 regulares, o 13º e duas férias. Não faço choramingo. É apenas uma constatação”, disse o prefeito.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*