Mauá, Política-ABC, Sua região

Atila se reúne com presidente da Sabesp para discutir melhorias no abastecimento

Kelman, Atila e Aleixo: apoio à redução nas perdas de água. Foto: Roberto Mourão/PMMAumento da pressão no envio de água para a rede de abastecimento de Mauá, a fim de melhorar o fluxo de água na cidade e encerrar desabastecimentos pontuais que ocorrem em regiões mais altas. A proposta foi apresentada pelo prefeito Atila Jacomussi (PSB) ao presidente da Sabesp, Jerson Kelman, durante reunião realizada esta semana. O encontro, que também contou com a presença do superintendente da empresa de Saneamento Básico do Município (Sama), Israel Aleixo, serviu para alinhar a nova administração da autarquia com a estatal.

“Assumimos o Sama com a determinação do prefeito para recuperar a eficiência da autarquia. A boa relação com a Sabesp, que é a nossa fornecedora de água, é parte importante do processo. Neste primeiro contato formal tivemos a oportunidade de discutir o aumento da pressão para a rede municipal de abastecimento, o que é uma bandeira popular da cidade. Isso poderia solucionar o problema de desabastecimento de diversos bairros em regiões montanhosas que sofrem há anos com o problema”, destacou Aleixo.

O projeto da nova administração do Sama de promover grande força-tarefa para corrigir a rede de abastecimento e reduzir perdas de água com vazamentos e ligações irregulares ganhou apoio da Sabesp. Jerson Kelman colocou o corpo de diretores técnicos da companhia para trocar informações de auxílio ao projeto da autarquia mauaense.

“Agradecemos a colaboração da Sabesp que, certamente, vai dar um ganho na qualidade do serviço prestado pelo Sama e melhorar a satisfação dos nossos munícipes. Temos a missão de recuperar a eficiência da autarquia e é isso que já estamos fazendo”, destacou Atila.

Durante a reunião, Atila e Aleixo agradeceram a colaboração da companhia na reparação da adutora que se rompeu na região do Jardim Feital há cerca 20 dias. O rompimento estava localizado em local de difícil acesso e a Sabesp enviou equipes e maquinários de apoio que ajudaram a solucionar o problema em tempo recorde.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*