Esportes, Futebol

Arsenal leva mais cinco do Bayern e cai nas oitavas pela 7ª vez; Real avança

Vidal comemora um de seus gols na goleada do Bayern. Foto: Divulgação/UefaO Arsenal não conseguiu o milagre de reverter a derrota por 5 a 1 sofrida no jogo de ida para o Bayern de Munique e está eliminado da Liga dos Campeões nas oitavas de final. O time inglês voltou a perder ontem (7), desta vez em casa, pelos mesmos 5 a 1 em jogo que teve decisões polêmicas do árbitro grego Tasos Sidiropoulos.

Walcott abriu o placar para o Arsenal e, depois, envolveu-se em lance no qual os ingleses pediram pênalti, não marcado pelo juiz.

No segundo tempo, Koscielny foi expulso após fazer pênalti em Lewandowski, que empatou o jogo na cobrança. Com um a mais, Robben, Douglas Costa e Vidal (duas vezes) fecharam a conta.

Enquanto os alemães avançaram para as quartas de final, o Arsenal amargou a sétima eliminação consecutiva nas oitavas de final da Liga dos Campeões. A continuidade do técnico Arsene Wenger, no comando da equipe há 21 anos, está agora mais incerta do que nunca.

Real avança

Jogando em casa, o Napoli flertou com as quartas de final da Liga dos Campeões. Melhor no primeiro tempo, o time italiano abriu o placar com Mertens e chegou a pressionar em busca do segundo. Como havia perdido por 3 a 1 na Espanha, o resultado de 2 a 0 a favor daria a classificaria o time napolitano.

No segundo tempo, o Real Madrid não perdoou. Aos seis minutos, Sergio Ramos apareceu para salvar o clube espanhol mais uma vez. De novo, de cabeça. Cinco minutos mais tarde, Sergio Ramos apareceu para definir o confronto (o árbitro deu gol contra de Mertens). Nos acréscimos, Morata encontrou tempo para fazer mais um para o Real: 3 a 1.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*