Brasileirão, Esportes, Futebol

Após polêmica, Cueva pode recuperar espaço no São Paulo

Dorival Júnior comandou um coletivo do São Paulo na tarde de ontem (14), no Centro de Treinamento da Barra Funda. A formação foi a mesma adotada na atividade anterior, mas o técnico tricolor fez alguns testes ao longo da movimentação.

A escalação inicial da equi­pe foi esta: Sidão; Éder Militão, Arboleda, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Petros, Gomez, Marcos Guilherme, Hernanes e Lucas Fernandes; Lucas Pratto.

Na segunda parte do treino, Dorival colocou Cueva na vaga de Lucas Fernandes. Marcos Guilherme deu lugar a Shaylon, que teve participação muito boa.
O garoto de 20 anos se entendeu bem com Pratto. Logo que entrou, recebeu passe de letra do argentino e marcou. Na sequência, foi à rede mais uma vez com outra assistência do centroavante.

Dorival voltará a fazer observações nas atividades marcadas para hoje e amanhã. A expectativa é de que o time que iniciou o último coletivo seja a titular no domingo (17), contra o Vitória, em Salvador, mas ainda há tempo para mudanças.

Cueva é quem tem chance de recuperar seu espaço, perdido com mau futebol e problemas de comportamento. Como se retratou nesta semana e é um atleta de talento, o meia peruano pode voltar a ser acionado pelo comandante.

O São Paulo tem dois desfalques no duelo com o Vitória, adversário direto na luta contra as últimas posições. Edimar, suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos, e Jucilei, expulso na última rodada, estão fora da viagem ao Nordeste.

Depois de perder a posição e ficar um período afastado por lombalgia, Júnior Tavares será titular no domingo. O lateral terá oportunidade na vaga do suspenso Edimar e espera não desperdiçá-la. “Não vejo a hora de voltar e ajudar meus companheiros”, afirmou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*