Economia, Notícias

Após demissões, trabalhadores da Arteb paralisam produção em São Bernardo

Após anúncio de demissões, Arteb paralisa produção em São Bernardo
Sindicato orientou os trabalhadores a retornar para suas casas. Foto: Adonis Guerra/SMABC

Os trabalhadores da Arteb, fabricante de autopeças com fábrica em São Bernardo, decidiram em assembleia realizada na manhã desta terça-feira (26) paralisar a produção em resposta ao anúncio de demissões na unidade. Os empregados atingidos foram informados do corte por telefone ou carta e, até o momento da assembleia, ainda não se sabia o número total de demitidos.

O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC orientou os trabalhadores a retornar para suas casas e procurou a empresa para uma reunião, realizada no período da tarde. De acordo com Moisés Selerges, secretário-geral da entidade, a empresa alega que foi fortemente impactada pelo fim da produção da Ford no Brasil – teve, inclusive, de fechar a planta situada dentro da montadora, em Camaçari (BA).

“A Arteb é uma empresa antiga no ABC e já vivia situação complicada, pois estava em recuperação judicial desde 2016. O que a direção nos disse é que, com o fechamento da Ford, em plena pandemia, as coisas se complicaram muito. É mais uma empresa, juntamente com seus trabalhadores, a colher as consequências da falta de política industrial, tanto em nível estadual como federal”, disse Selerges.

Segundo o dirigente, haverá novas rodadas de negociação com a fábrica. “Precisamos abordar uma série de questões, já que se trata de uma empresa em recuperação judicial. Queremos discutir inclusive o futuro da empresa, (pois se trata de) uma fábrica antiga, que emprega atualmente 800 trabalhadores e é importante para o ABC”, reforçou.

Nesta quarta-feira, às 8h, haverá nova assembleia com os trabalhadores, na porta da fábrica. “Vamos detalhar para os funcionários o que conversamos com a empresa e tomar as decisões em conjunto”, informou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*