Minha Cidade, Regional, Sua região

Apagão deixa 1 milhão de clientes da Enel no ABC e na Capital no escuro

Apagão deixa 1 milhão de clientes da Enel no ABC e na Capital no escuro
Devido ao pagão no ABC, empresas do Polo petroquímico paralisaram a produção. Foto: Ettore Chiereguini/Futura Press/Folhapress

Um apagão deixou sem fornecimento de energia elétrica a zona Leste da Capital e seis dos sete municípios do ABC (Santo André, Mauá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e São Bernardo). Cerca de 1 milhão de clientes da Enel Distribuição – novo nome da Eletropaulo – foram afetados.

Segundo a Enel Distribuição, por volta das 20h30, ocorreu um desligamento em subestações da Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP), o que afetou a rede de distribuição. A energia foi restabelecida por volta de 21h45.

“Em pouco mais de uma hora, apesar de não ter causado o problema, os técnicos da Enel, utilizando sistemas de automação, realizaram manobras na rede para normalizar o fornecimento de energia dos clientes afetados”, diz a nota da empresa.

POLO PETROQUÍMICO

Também em nota, o Comitê de Fomento Industrial do Polo Petroquímico do ABC (Cofip ABC) informa que, nesta quinta-feira (31), por volta de 20h, empresas instaladas no Polo Petroquímico tiveram suas produções paralisadas de forma segura, em razão do apagão. A Braskem acionou automaticamente o sistema de segurança conhecido como “stack flare”, mecanismo seguro para a queima de gases usado por indústrias químicas, petroquímicas e refinarias.

“A companhia ressalta que não há eventos acidentais e que, em eventos de paralisação da operação, os alarmes são acionados e fazem parte do protocolo de segurança. A companhia informa que, nas próximas horas, ainda poderão haver ruídos e luminosidade, mas os processos mencionados não oferecem risco aos moradores do entorno da fábrica e seguem as normas internacionais de segurança. Lamentamos os eventuais incômodos”, conclui a nota.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*