Últimas Notícias

Alunos da rede de ensino de São Caetano têm vaga garantida no ensino médio

Todos os alunos que cursam atualmente o 9° ano no ensino municipal de São Caetano já estão com vaga garantida no ensino médio da rede. O anúncio foi feito pelo secretário de Educação, Fabricio Faria, em live realizada juntamente com a secretária de Saúde, Regina Maura.

A decisão referente à continuidade dos alunos do 9º ano foi oficializada pela portaria nº 1.270, publicada no Diário Oficial Eletrônico des­ta quarta-feira (14). “Os critérios para a distribuição dos alunos nas escolas municipais de ensino médio serão deta­lhados em Instrução Normativa que será publicada após o dia 20 de outubro”, disse o secretário.

A partir do próximo dia 19 estarão abertas as rematrículas e transferências para alunos de outras séries. “Tudo será feito online. Os pais ou responsáveis receberão um link por email ou Whatsapp para a confirmação da rematrícula em 2021”, pontuou.

AULAS REMOTAS

Durante a live, o secretário também anunciou que os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I da rede municipal não retornarão às aulas presenciais este ano.

As aulas remotas seguem até o dia 23 de dezembro, incluindo as de educação física para o ensino infantil. “Esse foi um avanço que conseguimos nessa pandemia, com grande adesão dos alunos. Os estudantes que não têm acesso à internet estão recebendo atividades impressas. Todo o nosso cronograma de aulas, conforme o calendário escolar, continua remotamente”, destacou.

Segundo a prefeitura, a decisão baseou-se nas orien­tações da área da Saúde; nos resultados do inquérito epidemiológico que apontam baixa prevalência de covid-19 entre as crianças menores (e, portanto, grande possibilidade de ocorrência de infecções neste grupo) e, ainda, na pesquisa de opinião junto aos pais: 77% responderam que não en­viariam seu filho para a escola em 2020, caso as aulas pre­senciais retornassem este ano.

Quanto às aulas do Fundamental II e do Ensino Médio, a decisão deverá ser divulgada no final do mês ou início de novembro, após a finalização do inquérito epidemiológico entre todos os funcionários da Educação.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*