Economia, Notícias

Aluguel de imóvel na praia na Semana Santa custa a partir de R$ 174, diz CreciSP

Aluguel de imóvel na praia na Semana Santa custa a partir de R$ 174, diz CreciSP
Em Mongaguá pode-se encontrar as diárias mais baratas. Foto: Arquivo

Alugar um imóvel para passar o fim de semana prolongado da Semana Santa (19 a 21 de abril) custa a partir de R$ 174 por dia em praias do Litoral Sul de São Paulo. Esse é o menor va­lor de locação de imóveis de temporada encontrado em pesquisa feita com 27 imobiliárias de 12 cidades pelo Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (CreciSP).

A diária de R$ 174 vale para apartamentos do tipo quitinete em praias de cidades como Mongaguá, Itanhaém e Peruí­be. Por R$ 1 a mais é possível alugar apartamentos de um dormitó­rio nessas mesmas praias.

A diária mais cara encontrada pela pesquisa foi a de casas de quatro dormitórios em praias das cidades de Guarujá e Santos, no Litoral Central, ofertadas em média por R$ 1.484.

O CreciSP coletou preços de 24 tipos de imóveis disponíveis em 27 imobiliárias e apurou que 12 oferecem diárias mais em conta do que na Semana Santa do ano passado. Outros dez têm valores maiores. O Litoral Central foi a região em que houve o maior número de quedas: cinco.

A diária que mais subiu foi a de apartamentos de quatro dormitórios no Litoral Sul, de R$ 516 em 2018 para R$ 850 este ano, alta de 64,7%. A que mais baixou foi a de casas de um dormitório em cidades do Litoral Norte, como Ubatuba e Ilhabela. A redução foi de 63%, de R$ 540 no ano passado para R$ 200 neste ano.

“Respeitadas as diferenças de tamanho e localização, a locação de casas e apartamentos sempre deve ser considerada como opção aos hotéis por ter melhor custo-benefício, ainda que alguns tenham diárias mais cara este ano”, afirmou José Augusto Viana Neto, presidente do CreciSP, referindo-se ao fato de ser “possível acomodar maior número de pessoas nesses imóveis”.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*